Casa Created with Sketch.

Sem obras, apê de 97 m² ganha atmosfera aconchegante

Renovação no décor e personalização dos espaços marcam projeto assinado pela arquiteta Carina Dal Fabbro

 (Rafa Renzo/Casa.com.br)

Personalizar a decoração do lar, repensar o layout da planta baixa e buscar móveis e revestimentos que deixassem o gosto da cliente em evidência foi a tarefa que a arquiteta Carina Dal Fabbro, recebeu ao renovar o décor deste apartamento de 97 m² em São Paulo.

A repaginada no décor foi executada durante a pandemia e modificou completamente os ares da casa sem a necessidade de demolir paredes ou gerar entulho e resíduos com a troca de revestimentos. Na prática, zero obras!

 (Rafa Renzo/Casa.com.br)

“Junto com o isolamento social, surgiu a necessidade de nos sentirmos mais acolhidos e abraçados pela casa em que passamos quase que integralmente nossa vida. Este projeto demonstra que é perfeitamente possível renovar todo o lar sem a necessidade de uma reforma profunda”, relata a arquiteta.

Veja também

Com a área social toda integrada, os espaços compactos parecem muito maiores e as cores claras também contribuem para isso. Na combinação de estilos e tons, as paredes foram revestidas com papel de parede de textura de linho, a paleta de tons terrosos é evocada nas almofadas e o gradiente de cinza claro marca presença no tecido do sofá e da cortina.

 (Rafa Renzo/Casa.com.br)

O estar, que acolherá as futuras visitas, exerce a dupla função de sala de TV. Para tanto, ao invés de um painel, que exigiria mais custos e tempo de obra, o rack revelou-se como a solução para acolher os equipamentos em seus nichos abertos, acomodar a TV em sua base e, nas portas e gavetas, organizar tudo o que não precisa estar na visão. O móvel é de madeira escura e atua como contraponto para o restante do mobiliário.

Chegando na cozinha, o duo do clássico p&b, que assim como na moda, segue acrônico. “Aproveitamos todos os armários em marcenaria branca e deixamos o destaque para o backsplash em preto”, detalha Carina. Em inox, os eletrodomésticos reforçam a contemporaneidade almejada pela cliente.

 (Rafa Renzo/Casa.com.br)

A varanda, por sua vez, ganhou dois ambientes que, mesmo integrados, são bem setorizados por meio de sua decoração.

O primeiro, logo ao sair da sala de estar, é o cenário perfeito para um café da manhã no final de semana ou para celebrar um momento especial com a luz e a vista da cidade: a mesa redonda, com base de ferro e tampo de vidro, é acompanhada pelas cadeiras em acrílico transparente. Próximo à mesa da varanda, o aparador oferece disposição para o minibar e o cafézinho!

Veja mais fotos na galeria abaixo!

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.