Apartamento de 250 m² ganha atmosfera clean e paleta de tons neutros

O apartamento valoriza o design brasileiro com boas escolhas de mobiliário, piso em madeira Tauri com paginação especial e paredes com em cimento queimado

Por Redação Atualizado em 4 fev 2022, 11h09 - Publicado em 6 fev 2022, 13h00
Sala de estar com dois sofás grandes, tapete acizentado, na mesma cor do sofá e piso de taco
A integração entre os ambientes foi um dos pedidos dos moradores, que queriam espaço para receber com conforto. Além das salas de estar, jantar e TV, a área social conta com varanda social, área gourmet e cozinha – o último ambiente pode ser isolado com portas de correr Rafael Renzo/Casa.com.br

O apartamento de 250 m² trouxe uma atmosfera contemporânea e clean para a família formada por um casal e duas filhas jovens. Como briefing, o arquiteto André Bustamante tinha a premissa que a área social fosse capaz de receber muitos convidados, e para isso todos os ambientes sociais deveriam ser integrados – inclusive a cozinha.

sala de cinema com painel cinza e TV grande com prateleira pra deocração. Sofá grande e cinza, com almofadas rosas
Rafael Renzo/Casa.com.br

Além da integração que norteou o projeto assinado pelo arquiteto, os clientes pediram ausência de painéis de madeira e papéis de parede. “Eles queriam um espaço contemporâneo, aconchegante, com referências ao design nacional, materiais naturais, madeira e cores claras”.

Canto da varanda com uma chaise rosa claro, e uma planta pé de elefante ao fundo
Apesar da integração da varanda, a proposta foi de usar esse espaço de forma mais descontraída e natural, por isso o arquiteto optou pelo banco de madeira maciça com seus veios, rachaduras e “defeitos” bem aparentes, produzidos pelo Atelier Pedro Petry, que usa “madeira certificada pelo Ibama e resíduos provenientes de manejo urbano”, além de incluir vasos e plantas. Rafael Renzo/Casa.com.br

Embora a madeira não fosse “bem-vinda” nas paredes, foi a escolha para o piso de todo o apartamento. “Com colocação espinha de peixe, os pisos de tacos de madeira Tauri foram o que guiou a escolha dos demais acabamentos do apartamento”, revela. Em contraponto ao piso, a escolha para as paredes foi uma pintura tipo cimento queimado com um tom cinza mais quente.

Sala de jantar, com mesa de madeira e dez cadeiras. Ao fundo, a área da churrasqueira
O aço corten está presente na divisória da parede, e na Mesa de Jantar com tampo em madeira Freijó e estrutura em aço carbono com pintura corten Rafael Renzo/Casa.com.br

Outro material de destaque no projeto foi o aço corten, material presente na fachada do prédio e que não poderia ser alterado no espaço da varanda. “Tiramos partido dessa situação e usamos o material da divisória em frente ao lavabo, na porta de entrada do apartamento, e também em alguns móveis como a mesa de jantar e a de centro”, explica Bustamante.

Continua após a publicidade

Varanda gourmet com churrasqueira e bancada com duas banquetas demadeira e estofado de couro marrom
A churrasqueira a carvão entregue pela construtora foi substituída por um modelo a gás, que evita a fumaça. Um dominó foi instalado para complementar a área gourmet. Um móvel com acabamento em freijó no lado da sala, abriga o nicho da adega Rafael Renzo/Casa.com.br

Veja também

Para garantir a integração total da área social, o arquiteto optou por fechar a varanda com vidro, remover as portas e nivelar o contrapiso. “Além disso, demolimos as paredes que separavam a cozinha, a sala de almoço e o living. Para a necessidade de fechar a cozinha, instalamos portas de correr com estrutura de alumínio e vidro reflexivo”. Além dessa parede, não foram feitas grandes alterações, já que a distribuição e dimensão dos cômodos já atendia às expectativas dos moradores.

Quarto com três triangulos coloridos na parede, poltrona rosa, cama com roupa rosa e mesa de madeira
A área intima trouxe a mesma paleta de tons e acabamentos que a área social, com piso em paginação espinha de peixe, madeira freijó nos móveis e o cinza na parede. As escolhas trouxeram o visual contemporâneo e ainda garantiram unidade visual com os demais cômodos do apartamento. Rafael Renzo/Casa.com.br

Para os móveis e itens decorativos, a escolha foi uma paleta de tons suaves e bem clean e o arquiteto priorizou estúdios de design nacional. As cores aparecem de forma pontual em almofadas, e nas plantas. Além disso, o casal tem uma forte relação afetiva com suas obras de arte, “Por isso deveriam ser incorporados ao projeto, entre eles uma tela de Siron Franco, que ocupa uma posição de destaque no novo apartamento.”

Veja todas as fotos do projeto na galeria!

Continua após a publicidade

Publicidade