Marcenaria colorida: 5 inspirações para colorir a casa

Hora de adicionar cor e deixar os ambientes residenciais mais alegres

Por Redação Atualizado em 3 mar 2022, 22h26 - Publicado em 4 mar 2022, 19h00
Armários na cor goiaba na parede do fundo, com uma mesa de jantar de madeira extensa em primeiro plano.
A marcenaria na cor goiaba foi o ponto de partida para a escolha da paleta de cores neste projeto assinado pela arquiteta Marina Carvalho Evelyn Müller/Casa.com.br

Quem não pensa na madeira quando o assunto é móveis e armários na decoração da sua casa? Apesar de marcar presença na maioria das residências com tons naturais, a tradição não precisa ser seguida de olhos fechados.

Para deixar o seu espaço funcional e cheio de vida e estilo, aposte na marcenaria colorida. Com a ajuda da criatividade, você consegue uma composição única!

solucoes-de-marcenaria-e-minimalismo-marcam-a-reforma-do-apto-de-150m²
Estúdio São Paulo/Casa.com.br

“A marcenaria nos permite criar tudo da maneira mais personalizada possível. Por isso, é sempre uma ótima pedida apostar nela para dar mais vida e cor ao seu décor. Afinal, como bem sabemos, as cores são sempre bem-vindas justamente por serem capazes de influenciar as emoções”, explica a arquiteta Carina Dal Fabbro, que está à frente do escritório que leva seu nome.

A arquiteta listou cinco ideias para trazer a marcenaria colorida para a sua casa:

1. Mistura de cores

Engana-se quem pensa que a marcenaria da cozinha deve ser toda de uma mesma cor. Trazendo modernidade e frescor para o projeto, a arquiteta optou pela combinação de cinza e verde menta

Armários coloridos na cozinha são um grande charme. Neste projeto assinado pela profissional, as peças em laca evocam modernidade e ainda adicionam a cor favorita da moradora em mais um ponto da casa.

Deixando de lado a ideia de que os móveis devem possuir apenas uma cor. Enquanto as peças superiores exibem um tom neutro, o cinza fendi, as inferiores adotam o verde menta fresco. Este mix também leva detalhes em MDF madeirado, que dá destaque ao cantinho do café e a pequena cesta de frutas.

Cozinha com tons de rosa

“Toda essa junção de cores nos móveis deixou o ambiente super contemporâneo e sem pesar no décor. A regra é simples: o resultado deve ser leve e deve agradar os olhos. Se isso acontecer, está perfeito”, comenta Carina.

2. Vintage

Com o conforto visual do azul em tom pastel, a marcenaria desta cozinha relembra a infância de muitos moradores

Neste projeto, os clientes desejavam uma cozinha que apresentasse um ar de bossa praiano e que transmitisse a docilidade de memórias afetivas – que o estilo vintage do desenho da mobília e o tom azul pastel proporcionaram.

Veja também

A área de serviço, que oferece uma claridade natural e que faz divisa com a cozinha, recebeu uma estante com vários nichos assimétricos para substituir a janela, sem perder a privacidade. Esta alternativa ficou ainda mais charmosa com a exibição de objetos de decoração,

Continua após a publicidade

Cozinha com armários amarelos
Solar power! Nesta cozinha vibrante da Alys Design, uma camada de tom brilhante ilumina os armários vintage. A cor é surpreendentemente moderna em contraste com as paredes de madeira natural. Alys Design/the spruce

“Ao escolhermos as cores da marcenaria, é importante nos lembrarmos do significado dessa tonalidade e do efeito visual que agregará ao ambiente. Por isso, o recomendado é que se conecte com o gosto pessoal do morador, assegurando um resultado lindo e sem arrependimentos”, orienta a arquiteta.

3. Tons vibrantes

Com papel de parede de galáxia e uma grande mesa em marcenaria, este quarto poderá passar por várias transformações simples enquanto acompanha o crescimento da criança. A decoração ficou ainda mais alegra e completa com nichos coloridos e o painel em laca azul!

Quem não ama cor nos quartos infantis? E existem muitos jeitos de adicionar o elemento com a marcenaria e ainda de forma equilibrada. Não há mistérios: apenas observe todo o projeto de decoração do cômodo e analise os tons que predominam, sempre tomando cuidado com as peças grandes como camas e guarda-roupas.

Cômoda nas cores cinza escuro, cinza claro, azul e amarelo e cabana com dossel amarelo
Projeto por Co+Lab Juntos Arquitetura e Interiores Luiza Schreier/Casa.com.br

“A decoração de um dormitório para crianças vai mudando ao longo do crescimento. Por isso, é mais interessante que se invista em itens de marcenaria menores, como nichos e prateleiras. Desta forma, é possível trocar com mais facilidade conforme os gostos dos pequenos vão mudando”, conta a arquiteta.

4. Cores em todos os estilos

Reforma de apartamento com marcenaria colorida

Inserir e combinar móveis coloridos em todos os estilos de decoração é super possível! Aposte em peças com tons da cor que já existe em predominância no espaço, se você busca por um décor mais clássico e neutro – não perdendo a sobriedade e descaracterizar a atmosfera e a essência desses perfis de décor.

Porém, quando o assunto é estilos flexíveis, as peças coloridas conseguem se tornar os grandes destaques, como pontos de cores magníficos.

5. Tons suaves

reforma-moderniza-ambientes-mantendo-a-historias-de-vida-dos-moradores-casa

Se você não está acostumado com o uso de móveis coloridos, pense em um projeto que comece a salpicar os tons pelos móveis, seguindo uma paleta de tons claros.

“Além de ampliar visualmente os ambientes menores, os tons mais claros acabam por não acrescentar informações que contrastem fortemente com o restante do décor. Por isso, costumamos indicá-los para quem ainda é iniciante no mundo das cores ou tem receio de enjoar do móvel com facilidade”, destaca Carina.

 

Continua após a publicidade

Publicidade