Casa Created with Sketch.

Casa de 280 m² é reformada para aproveitar melhor os espaços

A altura dos moradores, mais de 1,80 m, foi um dos desafios para adequar o projeto entregue em 3 meses

Sala de estar da Casa Vila Mariana, com moveis brancos, cinza e madeira. No chão, porcelanato e na parede, revestimento de cimento queimado

Totalmente reformada e entregue em três meses, os donos da Casa Vila Mariana tinham apenas um pedido: que os 280 m² fossem melhor aproveitados. Donos de um cachorro e uma gata, o casal encontrou Julia Otaga para fazer o projeto.

Aparador dourado na casa vila mariana, com um espelho com moldura na mesma cor, preso a uma parede cinza escuro

A casa, que já havia passado por uma reforma, era bem neutra, dividida em diversos ambientes, com móveis pequenos e sem apelo visual. O novo projeto adicionou cor e textura à residência utilizando revestimentos, que deram sofisticação e aconchego aos ambientes.

Quarto do casal, com parede revestida em madeira, com quadro branco escrito

A personalidade dos clientes também é bem marcante, por isso o projeto destacou os móveis e objetos de estimação da dupla, caso do aparador – que era da avó da cliente, a luminária em formato de boneco (que ficou em um dos nichos do escritório), entre outros. Cada medida levou em conta o tamanho dos objetos já existentes.

Veja também

O filme Pulp Fiction, clássico do diretor Quentin Tarantino, também foi tema constante na decoração, por fazer parte da história do casal.

Escritório no quarto do casal, com porta camarão para fechar o espaço após o uso. A madeira clara da porta combina com os móveis e parede escura

 (Fernando Crescenti/Casa.com.br)

Por causa dos pets, não poderia ter piso de madeira – dessa forma, a arquiteta optou pelo porcelanato. Os moradores queriam deixar o quarto mais espaçoso e precisavam de um espaço para home office.

Banheiro amplo, com box e banheira grande

 (Fernando Crescenti/Casa.com.br)

Paredes e shafts foram removidos para criar um projeto com ambientes integrados, além disso, a entrada do quarto foi alterada para encaixar o home office na suíte, abrindo mais espaço para o closet e banheiro, que ganhou uma banheira com capacidade de 415 litros.

Penteadeira cinza, com espelho grande, com iluminação nas bordas

 (Fernando Crescenti/Casa.com.br)

Outro banheiro pequeno que não era utilizado também saiu da planta, dando lugar a uma penteadeira grande. No térreo, a cozinha foi ampliada para incluir armários e uma ilha com cooktop.

Armários pretos, com nichos para quadros e esculturas

 (Fernando Crescenti/Casa.com.br)

Para a arquiteta, o maior desafio foi adequar as medidas à altura do casal, com mais de 1,80 m, e por isso nenhuma medida segue um padrão. A marcenaria também ganhou um desenho especial por causa do tamanho dos objetos que seriam guardados. Além disso, para a casa ficar mais organizada, um ponto importante do briefing foi manter escondidos fios elétricos entre outras coisas.

Veja todas as fotos na galeria:

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.