Casa Created with Sketch.

Apê 120 m² em São Paulo ganha cantinho da adega após reforma

Projeto assinado pela LL Arquitetura e Interiores usou tons de madeira e cimento para dar aconchego ao projeto

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

Localizado no bairro de Santo Amaro, zona Sul da capital paulista, o apartamento com 120 m² foi projetado pela LL Arquitetura e Interiores para receber e acolher. Os tons amadeirados e cimentícios prevalecem no projeto trazendo aconchego para quem está no ambiente.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

O revestimento em MDF nas paredes do hall de entrada do elevador às paredes internas do living com uma única linguagem cria espaços mais quentes, acolhedores e uma conexão entre eles que ao mesmo tempo estão delimitados por móveis.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

O ponto chave desse projeto é o espaço reservado para a degustação de bebidas e, especialmente vinhos, uma paixão do casal, proprietário do apartamento. O desejo solicitado no briefing de ter um espaço para a adega/bar onde se pudesse armazenar as garrafas de vinho, a cave e uma poltrona para este deleite.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

Para não comprometer nem diminuir a área social, a solução encontrada pela arquiteta foi a de integrar ao living o quarto e o banheiro da área de serviços, abrindo ambos para a sala.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

Os profissionais quebraram a parede existente entre esses ambientes criando uma adega personalizada e um espaço bastante acolhedor e intimista. O revestimento de MDF usado nas paredes das outras áreas seguiu com a mesma padronização criando uma caixa que remete às adegas das vinícolas. O mesmo revestimento também foi usado no móvel que serve como aparador e abriga as adegas.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

O destaque deste ambiente adega é o suporte de serralheria para vinhos aplicado na parede que cria ilusões óticas ao retirar as garrafas ou mudá-las de local, possibilitando infinitas composições. A poltrona “Costela” e o pufes em couro caramelo com a luminária de chão com difusor em metal e alça, também em couro caramelo, permite desfrutar momentos relaxantes e idílicos sozinho ou na companhia de outras pessoas.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

O projeto ganhou um espaço amplo para receber a integração da área social com a cozinha e com a varanda, está transformada em espaço gourmet ao mesmo tempo.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

O bem receber já pode ser sentido no hall do elevador que possui uma parede revestida com espelho e as demais em MDF amendoado escuro trazendo nobreza e uma atmosfera aconchegante em contraste com o piso em porcelanato de cimento queimado. O teto rebaixado revestido com o mesmo MDF e com iluminação em LED embutida traz uma sobriedade elegante ao pequeno espaço.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

A estante desenhada pela própria arquiteta Cristiane Leite, da LL Arquiteta, também foi revestida com MDF, e possui nichos com composições geométricas e iluminação indireta, trazendo movimento e destacando objetos decorativos e obras de arte. O rack baixo mantém o mesmo revestimento com portas basculantes revestidas em palha natural.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

O revestimento da parede em MDF continua até o espaço gourmet dando uma linearidade ao projeto e continuidade da mesma linguagem decorativa. A sobriedade da madeira é contrastada com elementos em tons cimentícios e, também marcantes, usados no porcelanato do piso e no MDF que reveste as vigas e os armários da cozinha integrada ao living.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

O sofá desenhado pela arquiteta, duplo lado em linho cru, delimita e integra dois ambientes; o home theater e o estar, que faz composição com as poltronas e com o carrinho-bar. Na varanda gourmet uma enorme mesa com tampo de madeira de demolição e design orgânico harmoniza com as cadeiras.

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

Para trazer a natureza para dentro de casa, a LL Arquitetura optou por duas paredes vivas na varanda. O verde das plantas traz a biofilia para o ambiente urbano.

Veja mais fotos do projeto na galeria!

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.