Casa Created with Sketch.

Porcelanato: dicas para escolher e usar o revestimento

Saiba que tipo de textura combina melhor com cada ambiente e o que levar em conta na hora de decidir o modelo

A variedade de tipos de porcelanato disponível no mercado é muito grande. Mas seguindo o gosto pessoal de cada um e as indicações de uso, a escolha acaba sendo mais fácil. As arquitetas parceiras da Damme Porcelanato Dáphyne Santoro, Gabriela Custódio e Bárbara Pinheiro dão dicas para ajudar nesse processo.

Em quartos e salas existem poucas restrições. Apenas não se deve utilizar pisos com textura aderente. “Eu, particularmente, gosto de trabalhar no quarto com amadeirados pois dão uma sensação de aconchego. Uma ideia que vem aumentando bastante é fazer as cabeceiras de porcelanato imitando pedras naturais, o que fica fantástico”, conta Dáphyne.

Projeto de Marina Romeiro.

Projeto de Marina Romeiro. (Lilia Mendel/Casa.com.br)

Para salas de estar, Gabriela indica os pisos polidos, por trazerem um ar de sofisticação. “Não acho que exista uma regra para estampas e acabamentos, apenas penso que um ambiente bem projetado deve ser harmônico”, resume a arquiteta.

Uma tendência que vem crescendo na decoração são as peças com relevo, que criam a sensação de textura e dão profundidade. Gabriela é fã do estilo: “a meu ver, podem ser usados em qualquer ambiente. Gosto de usá-los em banheiros, rodabanca de cozinhas, fachadas, detalhes externos e internos.” Bárbara indica o cuidado com a escolha dos demais componentes do ambiente, a fim de evitar exageros.

Para criar painéis, outra opção são as peças com estampas marcantes. Bárbara acredita que eles são ótimos para esta função devido à alta resistência. “Eles trazem a possibilidade de oferecer aconchego, sofisticação, personalidade e elegância, com infinitas possibilidades criativas que podem substituir o uso de materiais como MDF, madeira, pedras e até mesmo os papeis de parede”, afirma a arquiteta.

Banheiros e cozinhas precisam de alguns cuidados adicionais, já que os porcelanatos polidos são mais lisos e tendem a escorregar. Dáphyne explica que o indicado é utilizar porcelanatos acetinados ou rústicos nos pisos de banheiros e cozinhas, já que são mais resistentes a atritos e manchas de shampoo, gordura ou produtos de limpeza.

Gabriela tem uma boa dica para ajudar a escolher os porcelanatos: “Em banheiros, também é usual assentar o mesmo produto no piso e parede. Nesse caso, costumo usar acetinado no piso e polido na parede para garantir um brilho extra”.

Projeto de Lucilla Mesquita.

Projeto de Lucilla Mesquita. (Gisele Rampazzo/Casa.com.br)

Para ajudar a harmonizar pisos e móveis uma dica preciosa é o contraste. “Isso pode ser feito com tons claros e escuros. Por exemplo, se o revestimento escolhido para o chão for escuro, é indicado que os móveis sejam claros e vice versa. Do mesmo modo, é possível fazer o contraste do brilho dos elementos. Se o revestimento tem acabamento brilhante, deve-se optar por um mobiliário fosco para evitar o desequilíbrio visual”, esclarece Dáphyne.

Outra opção é manter ambos neutros e deixar a decoração por conta dos objetos e acessórios. O importante é seguir o seu estilo pessoal. “Tons de cinza, preto e aço corten deixam os ambientes modernos e com uma pegada urbana. Já a combinação de estampas e formas geométricas são algumas das características do estilo contemporâneo; se seu estilo for rústico, a escolha fica com estampas de pedras naturais, madeiras com veios mais marcados e acabamentos acetinados ou rústicos, podendo explorar os relevos”, indica Bárbara.

Projeto do escritório Base Arquitetura.

Projeto do escritório Base Arquitetura. (Maura Mello Fotografia/Casa.com.br)

Os porcelanatos também podem ser usados em áreas externas, como bordas de piscina, por exemplo. O único cuidado é com o acabamento, que deve ser o rústico por ter maior coeficiente de atrito. “Gosto muito de trabalhar com produtos que imitam deque de madeira ou pedra natural, pois dão um charme à parte para a piscina”, resume Dáphyne. Gabriela destaca que há muitas opções, sendo fácil seguir o mesmo estilo utilizado dentro da casa. Os porcelanatos também podem ser utilizados em fachadas, sendo bonitos e duráveis.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s