Casa Created with Sketch.

Felicidade em pequenas coisas inspira projeto de casa móvel de 45 m²

Assinada pelo escritório argentino Grandio, a residência Hüga é feita de concreto armado e é de fácil manutenção

 (Gonzalo Viramonte/ArchDaily)

O conceito dinamarquês Hygee, filosofia de vida de milhares de pessoas ao redor do mundo, germinou o projeto da residência Hüga, localizada em Córdoba, na Argentina. Para quem segue o Hygee, alcançar a felicidade não significa ter fortuna ou uma infinidade de coisas materiais, mas sim estar em um lugar aconchegante e poder viver em paz.

 (Gonzalo Viramonte/ArchDaily)

O escritório Grandio se inspirou no estilo de vida para desenvolver o projeto do imóvel de 45 m², que reúne um alto padrão de tecnologia e design, versatilidade e adaptabilidade às mudanças de quem o habita. “Arte, tecnologia e estado imobiliário se juntaram para que Hüga possa se tornar a nossa casa do futuro”, dizem os arquitetos ao ArchDaily.

 (Gonzalo Viramonte/ArchDaily)

Segundo os profissionais, “inovação” foi a palavra de ordem no trabalho. A Hüga veio para dar mais um passo na evolução e transformar as nossas casas. De concreto armado e fácil manutenção, a residência é segura, domótica e totalmente equipada.

 (Gonzalo Viramonte/ArchDaily)

Ela pode ser instalada em um dia (sem a necessidade de obras preliminares, como fundações). Além disso, o usuário pode levá-la para o lugar de moradia de seus sonhos.

Veja também

“Hüga é uma casa inteligente, que pode ser ampliada ou reduzida, buscando acompanhar seu dono em todas as etapas e projetos de sua vida, criando uma verdadeira revolução na experiência de quem a habita”, dizem os profissionais.

 (Gonzalo Viramonte/ArchDaily)

Distribuída nos 45 m², a casa possui os seguintes ambientes: dormitório, zona de relaxamento (mezanino com espaço para colchão de 2 lugares), banheiro zoneado, cozinha e sala de jantar. Suas dimensões são 3,90 x 3,90 x 11 m, superando a superfície de alguns módulos conhecidos, como pequenas cabanas.

Como foi feita?

 

 (Gonzalo Viramonte/ArchDaily)

Para a fabricação da residência Hüga, foi escolhido um sistema de moldes de polímeros leves e equipamentos de fôrma, especificamente projetados para poder construir a “concha estrutural” da casa em um período de tempo limitado.

Uma vez terminada a etapa de trabalho grosso (concreto armado), inicia-se o trabalho no interior, dando à casa excelentes níveis de acabamento e materiais que visam alcançar o maior conforto, habitabilidade e o menor consumo de energia.

Como ela é movida?

 

 (Gonzalo Viramonte/ArchDaily)

O peso estimado da Hüga é de 55 toneladas. O tamanho e o peso da casa mobilizaram a equipe de profissionais para desenvolver, em conjunto com especialistas, a engenharia para a montagem nos caminhões, seu traslado e posterior entrega no lote de destino.

Como ela é vendida?

 

 (Gonzalo Viramonte/ArchDaily)

A Hüga está em vias de ser vendida através de um sistema de franquia, que inclui documentação técnica, equipamentos de fabricação, suporte profissional para a fabricação da primeira unidade, treinamento de profissionais e equipe de construção, softwares para fidelização de marketing, assessoria técnica 24 meses online, gestão de publicidade, documentação legal, entre outros.

Nas palavras dos desenvolvedores, ela veio para revolucionar a nossa maneira de viver, de empreender ou de investir.

E aí, curtiu? Confira mais fotos do imóvel na galeria:

*Via ArchDaily

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.