Casa Created with Sketch.

10 hábitos sustentáveis para ter em casa

Os impactos ambientais podem ser diminuídos com atitudes simples no dia a dia doméstico

Quarto com varanda cheia de vasos de plantas Plantas embelezam e refrescam os ambientes

Plantas embelezam e refrescam os ambientes (Jinnawat Borihankijanan/Casa.com.br)

Sabemos que a rotina de limpeza e manutenção da casa é uma tarefa árdua, mas é possível agregar atividades que beneficiam o meio ambiente nesses momentos de forma prática. Afinal, se cada família tomar atitudes para impactar menos a natureza dentro de suas casas, em larga escala teremos uma sociedade mais consciente e uma atmosfera mais livre de poluentes.

 

Confira 10 hábitos sustentáveis para ter em casa:

 

1- Diminuir o uso de plástico e alumínio

O descarte desenfreado de resíduos, mesmo que recicláveis, estão entre os fatores que mais geram poluição ambiental. Pequenas atitudes cotidianas podem ajudar a reduzir esses impactos, como a substituição do plástico e alumínio para embalar alimentos na geladeira, por exemplo. A home organizer Ingrid Lisboa deu diversas dicas para substituir estes materiais, sendo os potes de vidro os mais adequados. 

 

2- Veio da terra, volta para a terra

 (Markus Spiske/Unsplash)


Quase todo o lixo orgânico da sua casa pode voltar para a terra, transformando-se em adubo e fertilizante natural. Uma composteira em casa faz este processo com os restos de sucos naturais, cascas de frutas e verduras e até mesmo pó de café. 

 

3- Sem veneno

A terra e o fertilizante natural gerados pela composteira podem ser usados para montar a sua própria horta orgânica em casa. Confira 10 ideias para cultivar ervas frescas e dê um sabor especial às suas refeições.

 

4- Reuso da água

Alguns edifícios modernos já possuem sistemas de reuso da água da chuva para o esgoto. Se você mora em uma casa com quintal, pode usar a água descartada pela máquina de lavar roupas para limpar a área. Basta direcionar a mangueira do eletrodoméstico para o tanque, baldes ou bacias, sempre com o cuidado de não acumular a água por muito tempo para evitar a presença do mosquito da dengue.  

 

5- Descarte do lixo

Confira com a prefeitura da sua cidade quais são as formas de coleta do lixo para planejar os descartes da sua casa. Caixas, como as de leite, podem ser lavadas e dobradas antes de irem para o lixo — com isso, você ganha mais espaço e evita mosquitos.

 

6- Manutenção e vistoria

A limpeza da caixa d’água a cada seis meses é importante não apenas pela higiene, mas também para a verificação da estrutura. Anualmente ou sempre que necessário, faça uma vistoria na rede elétrica, de água e esgoto da sua casa para garantir que não há vazamentos. Além de encarecer as contas, estes problemas causam o desperdício de água limpa. 

 

7- Equipamentos econômicos

 (Reprodução/CicloVivo/CicloVivo)

Alguns investimentos valem a pena a longo prazo, como painéis fotovoltaicos, máquinas de lavar louças e lâmpadas econômicas. Antes de equipar a sua casa, é importante refletir que, apesar de serem gastos impactantes em um primeiro momento, são mais sustentáveis para o meio ambiente e também para o bolso. Afinal, uma torneira aberta por uma hora para lavar a louça certamente gasta mais água que um ciclo da máquina. 

 

8- Descarte de eletrônicos e remédios

rem[ed

Pilhas, baterias, produtos eletrônicos e medicamentos nunca devem ser jogados no lixo comum. Separe-os e leve até um posto de coleta, como postos de saúde e farmácias.

 

9- Consumo consciente

 (The Creative Exchange/Unsplash)


Prefira sempre consertar algo quebrado ou doar (caso esteja em bom estado) a jogar fora. Certamente, seu prédio ou bairro tem um grupo de “desapegos” em que os moradores compartilham o que não usam mais em casa. 

Ficou com vontade de comprar algo? Que tal dar uma olhada neste mesmo grupo ou outros canais de venda, como brechós físicos e virtuais? Em muitos casos, você irá economizar dinheiro e contribuir para menos impacto na cadeia de consumo —lembre-se que tudo que é produzido utiliza matérias-primas que nem sempre são renováveis. 

 

10 – Saindo de casa

Ao sair de casa, desligue as luzes, o ar-condicionado e tire os aparelhos da tomada, pois mesmo em stand-by eles consomem energia. Se irá passar muito tempo fora, veja se a sua geladeira tem o modo férias e ative-o. Leve na bolsa com você a sua própria garrafinha ou copo e canudo reutilizáveis e bolsas ou sacos de pano para substituir os de plástico. 

 

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.