Casa Created with Sketch.

Suculentas: Principais tipos, cuidados e dicas para decorar

Tudo o que você precisa saber sobre suculentas para garantir que elas cresçam bem e saudáveis

criar suculentas

 (loonara / Thinkstock/Getty Images)

O que é uma suculenta?

Suculentas são plantas que acumulam água em um ou mais de um dos seus tecidos e fazem isso por serem nativas de regiões secas, assim, mantêm uma reserva para os períodos sem chuva. Esse armazenamento de água acontece nas raízes, caules, troncos, folhas etc. Muitas vezes elas apresentam folhas, troncos ou o caule “gordinhos”, cheios de água, daí o nome “suculenta”.

Principais tipos de Plantas Suculentas

Suculentas Coloridas

Existem mais de 6 mil tipos de suculentas, essas, com certeza, são as espécies coloridas que você vai ver com maior frequência por aí.

Sempre Vivas (Sempervivum Red Rubin)

Suculenta Sempre Viva

 (BBC Gardeners' World Magazine/Reprodução)

Essa é uma suculenta naturalmente colorida que chega a ficar com um vermelho bem forte.

Príncipe Negro (Echeveria Príncipe Negro)

Principe negro, suculenta colorida

 (Guia das Suculentas/Reprodução)

É uma suculenta com folhagem bem escura, quase preta. No inverno, ela assume um vermelho bem escuro.

Echeveria Pintada (Echeveria Nodulosa)

 (Paloma Col/Flickr)

Essa planta parece até uma pintura. Ela desenvolve uma folhagem côncava com traços vermelhos marcantes.

Suculentas pendentes

Grande parte das plantas crescem em direção ao sol, para cima. Já as pendentes fazem o contrário, ao invés de subir, elas crescem caindo, ficando penduradas nos vasos. Isso acontece devido aos caules que não suportam o peso da planta tipo cacto. Veja alguns tipos de suculenta pendentes:

Colar de pérolas (Senecio Rowleyanus)

Nome popular: colar-de-pérolasNome científico: Senecio rowleyanus

 (Reprodução/Casa.com.br)

Como o próprio nome indica, as suculentas pendentes nomes colar de pérolas são tão delicadas quanto a pedra preciosa. Com os devidos cuidados, a planta pode chegar a 1m de comprimento. Suas flores florescem no inverno, são brancas e super delicadas.

Suculenta dedo de moça (Sedum morganianum)

Suculenta dedo de moça como decoração de mesa ao lado de um relógio

 (Reprodução/Casa.com.br)

As suculentas pendentes nomes dedo de moça possuem folhas claras, numerosas e compridas. Suas flores são vermelhas e vibrantes.

Mini Suculentas

Esse tipo de suculenta é ideal para quem tem pouco espaço, mas ainda quer incluir um pouco de verde em casa, ou mesmo na mesa do escritório´.

Cacto-pedra (Lithops)

Cacto-pedra, mini suculenta em vaso laranja com pedrila

 (Reprodução/Pinterest)

Disponível em diversas cores, que se camuflam em seu ambiente natural, recebem esse nome por parecer com uma pedra realmente. Precisa de muito sol, pelo menos 4h, e seu solo precisa estar sempre úmido (mas cuidado para não encharcar).

Planta Zebra (Haworthia)

Suculenta zebra, da especie haworthia

 (Flickr | Salchuiwt/Reprodução)

Nativa da África do Sul, a haworthia recebe o apelido de planta zebra devido às listras de protuberâncias brancas em suas folhas. Ela requer pouca água e fica feliz em ficar longe da luz solar direta.

Planta Jade (Crassula Ovata)

Planta de jade, mini suculenta para se ter em casa

 (Flickr | Bri Weldon/Reprodução)

Com folhas que podem ficar vermelhas se expostas à luz solar prolongada, as Crassula Ovatas são suculentas versáteis, que prosperam tanto em ambientes internos quanto externos. Ideais para jardineiros em qualquer nível de habilidade, requerem cuidados mínimos, como luz solar parcial e pouca água.

Flor suculenta

Para quem prefere flores, mas não tem o dedo verde, esse tipo de suculenta pode ser uma boa opção, visto que a manutenção não varia muito em relação às outras suculentas, a principal recomendação, além da rega e de deixar sob o sol, é colocar adubo, para que floresça saudável.

Rosa-do-deserto (Adenium obesum)

 (Reprodução/Minha Casa)

Essa flor é natural dos desertos africanos e árabes, por isso, precisa de sol em abundância para se desenvolver bem. O ideal é que esteja em um jardim ou em uma varanda em que receba de quatro a seis horas por dia de sol. Mas cuidado com a rega, a planta não pode ficar com a terra muito úmida, porque a raiz pode apodrecer.

Flor-de-maio (Schlumbergera truncata)

Suculenta Flor de Maio

 (World of Succulents/Reprodução)

Essa espécie deve ser cultivada em varandas sem incidência solar direta, mas com boa luminosidade. As flores de colorações variadas são de fácil cultivo. É importante regar de duas a quatro vezes por semana.

Suculentas de sombra

Mesmo sendo mais comum que as plantas precisem de sol ou de pelo menos de luminosidade indireta, existem tipos de suculentas que, dada a sua natureza extremamente adaptável e resistem, se dão bem mesmo na sombra. Então, se você mora em um lugar que não bate sol ou quer enfeitar o seu escritório, as opções abaixo podem se dar bem nesses espaços.

Arbusto Elefante (Portulacaria afra)

Suculenta arbusto de elefante

 (MyBonsai/Reprodução)

O porte lembra um pouco o da planta jade, no entanto, suas folhas são menores, mais delicadas. Também possui o aspecto de arvoreta, lembrando um bonsai. É uma planta coringa, que se adaptaa a diferentes ambientes de cultivo, por isso, a baixa luminosidade não fará mal a ela.

Colar de rubi (Othonna capensis)

Suculenta colar de rubi em vaso de barro

 (Guia das Suculentas/Reprodução)

A suculenta colar de rubi é originária da África do Sul. Ela possui esse nome devido sua coloração púrpura, que fica ainda mais vibrante quando cultivada em contato com o sol. Não é exatamente um exemplo de suculenta de sombra, mas, por se tratar de uma espécie que se adapta a locais de cultivo em interiores.

Como cuidar de suculentas

Iluminação

Suculenta em vaso grande em lugar aberto com muito sol

 (Reprodução/Pinterest)

Uma informação indispensável e de conhecimento geral, é que a maioria dos cactos e suculentas, precisa de contato direto com o sol para viver. No entanto, há espécies que preferem luz indireta ou poucas horas de exposição ao sol.

Regas

As folhas de suculentas são carnudas e fofinhas e há uma explicação para isso. As plantas armazenam água em seu interior, tornando-as resistentes à secas. Por isso, precisam de pouca água para viver.

O ideal, e isso vale para todas as plantas, é que exista uma rotina. Para as suculentas, a sugestão é que no verão a rega seja feita uma vez por semana e no inverno de uma a duas vezes por mês. E para realizar a rega, molhe apenas o solo. Evite que caia água sobre as folhinhas pois elas podem apodrecer.

Para saber se sua suculenta precisa de água ou não, basta analisar o aspecto do solo, se ainda estiver úmido, não é necessário molhar mais.

Suculentas em vasos pequenos com perlitas

 (Reprodução/Aliexpress)

Substratos

O melhor substrato para suculentas é a composição de misturar duas partes de terra para cada duas partes de areia de construção. Finalize com pedriscos, que podem ser perlita, cacos de telha ou até mesmo pedrinhas de construção.

Dicas para decorar

Terrários

abre-passo-a-passo-aprenda-a-fazer-um-terrario

 (Reprodução/Minha Casa)

Por conta da facilidade de cuidado, as suculentas são ótimas opções para se ter no terrário, que pode ser feito em casa, mesmo.

Mesa

Mesa posta com arranjos secos e suculentas

 (Rafael Renzo/Lar Doce Casa)

Sua suculenta pode ser o centro de mesa, com os diversos tipos de suculentas que já citamos aqui, não vão te faltar opções para deixar suas refeições mais agradáveis.

Estante

Sem dúvidas a melhor escolha para compor uma estante são livros, mas você também pode optar por incluir enfeites mais diferenciados, e uma suculenta vai ficar bem dividindo espaço com suas histórias favoritas.

Varanda

Suculentas pendentes em varanda

 (Divulgação/Casa.com.br)

Como essas plantas se dão muito bem com o Sol, deixá-las na varanda vai ser ótimo, pois além de decorar, ainda garante um crescimento saudável para elas. Nesse caso, podem ser usadas as suculentas grandes ou um vaso cheio de suculentas diferentes.

Mesa de cabeceira

suculenta do tipo cactos em cachepot artesanal

 (Divulgação/Casa.com.br)

Suculentas podem, sim, ir para o quarto, você pode colocar uma suculenta de sombra, senão tiver incidência direta do sol no cômodo. É possível dar destaque a ela, usando um tipo de suculenta pendente, suculenta com flores ou qualquer tipo de suculenta em um cachepot.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.