Minimalismo japonês e madeira norteiam o projeto desta casa de 58 m²

O escritório LittleMore Interior Design construiu um projeto de ambientes flexíveis e confortáveis que se conectam intimamente uns aos outros

Por Yara Guerra Atualizado em 21 nov 2021, 01h07 - Publicado em 21 nov 2021, 13h00
Michael Perini/BowerBird

O design de interiores de um apartamento é mais do que decorá-lo com materiais bonitos – afinal, o melhor de uma casa é sempre introduzido pelos seus moradores e suas histórias.

Nesta residência de 58 m² localizada em Hong Kong e projetada pelo escritório LittleMore Interior Design, a configuração totalmente flexível e de plano aberto no projeto permite a realização de muitas atividades e é capaz de evoluir junto aos moradores nos próximos anos.

Michael Perini/BowerBird

Todos os espaços do imóvel são bem definidos espacialmente, ao mesmo tempo que se conectam intimamente uns aos outros. A paleta geral do apartamento, por sua vez, é composta por tons de madeira e cores terrosas neutras, o que cria um ambiente descontraído com uma pitada de minimalismo japonês

Michael Perini/BowerBird

Tendo a vantagem de estar localizado no piso térreo, o hall de entrada é feito como um Genkan de uma casa tradicional japonesa, onde os sapatos podem ser retirados e guardados antes de entrar nas áreas de estar.

Michael Perini/BowerBird

Estando localizada no centro do apartamento, a cozinha supervisiona os espaços gerais, conectando todos os membros da família e dando uma recepção calorosa quando eles voltam para casa com um balcão de bar moderno. 

Veja também

Michael Perini/BowerBird
Continua após a publicidade

O imóvel conta ainda com uma área infantil com portas shoji (estruturada em madeira e preenchida por papel translúcido), permitindo que a luz do sol ilumine suavemente o espaço durante a maior parte do dia. 

Esta configuração também permite que os adultos supervisionem as crianças a partir de outras áreas, incluindo a cozinha aberta. Por ser ligeiramente afastada dos espaços principais da casa, esta área pode facilmente se transformar em um quarto agradável e confortável uma vez que as portas shoji estão fechadas.

Michael Perini/BowerBird

Na casa, há ainda uma grande plataforma multifuncional, que pode ser um home office informal, uma espaço para os pais terem os seus momentos em família com os filhos ou um local para o casal desfrutar de uma tarde relaxante bebendo chá. 

Tendo a vista calma e harmônica com a enorme janela de vidro, este é o espaço onde os usuários podem se conectar com o ambiente tranquilo do lado de fora. O ambiente não define a sua utilização, mas oferece todas as oportunidades para que a jovem família descubra as suas potencialidades.

Michael Perini/BowerBird

A fachada simples, porém tranquila, já dá aos moradores uma sensação de lar já quando se aproximam de seu apartamento pela estrada principal. As combinações puras e limpas de ladrilhos cinza claro e off white dão um contraste sutil com o ambiente geral sem se diferenciar dos arredores.

Se você curtiu o projeto, confira mais fotos na galeria abaixo:

*Via BowerBird

Continua após a publicidade

Publicidade