Casa Created with Sketch.

Cabideiros, ganchos e mancebos trazem funcionalidade e estilo para a casa

Compactos, visualmente leves e com diversas opções de modelos, cores e acabamentos, as peças otimizam a arrumação da casa de maneira simples e uníssona

 (Luis Brimble/Unsplash)

Um lar bonito, organizado e funcional é o sonho de todos, não é mesmo?! Quando este resultado é alcançado por meio de soluções simples, tudo fica ainda melhor. Pensando nisso, muitas famílias buscam novas maneiras de organizar suas casas aliando a funcionalidade, beleza e fugindo daquela velha estratégia de encaixotar ou etiquetar tudo.

Aproveitando a lateral de um armário do quarto, a arquiteta Carina Dal Fabbro instalou, de forma assimétrica, ganchos para acomodar colares longos que se enroscariam facilmente dentro de gavetas. O charme extra da solução fica por conta do chapéu Panamá, que deve estar sempre à mão em dias ensolarados!

Aproveitando a lateral de um armário do quarto, a arquiteta Carina Dal Fabbro instalou, de forma assimétrica, ganchos para acomodar colares longos que se enroscariam facilmente dentro de gavetas. O charme extra da solução fica por conta do chapéu Panamá, que deve estar sempre à mão em dias ensolarados! (Rafael Renzo/Casa.com.br)

Fundamental para ajudar na organização, cabideiros, ganchos de parede e mancebos têm se tornado cada vez mais frequentes nos projetos de decoração de interiores.

“Quando pensamos em soluções para deixar tudo em ordem na casa, precisamos ter em mente a facilidade para a utilização. De nada adiantaria organizar objetos em caixas ou gavetas e o acesso se tornar difícil para os moradores. Eu aprecio muito o efeito dos penduradores e sempre recorro a eles como um meio de oferecer tudo sempre à mão de maneira bonita e prática”, explica a arquiteta Carina Dal Fabbro, à frente do escritório que leva seu nome.

Elevado como um item de decoração, as peças podem transformar um cantinho sem graça em um ambiente estiloso e moderno. É o caso do hall de entrada desse projeto executado pela arquiteta: ao sair do elevador, moradores e visitantes podem contar com um mancebo e cabideiro feito de madeira e ferro, que foi trazido da Holanda pelos clientes, para deixar bolsas e casacos sem preocupação! | Projeto por Carina Dal Fabro

Elevado como um item de decoração, as peças podem transformar um cantinho sem graça em um ambiente estiloso e moderno. É o caso do hall de entrada desse projeto executado pela arquiteta: ao sair do elevador, moradores e visitantes podem contar com um mancebo e cabideiro feito de madeira e ferro, que foi trazido da Holanda pelos clientes, para deixar bolsas e casacos sem preocupação! | Projeto por Carina Dal Fabro (João Ribeiro/Casa.com.br)

Leves, compactos e com uma grande variedade de tamanhos, cores e estilos, os cabideiros e mancebos podem marcar presença em vários cômodos da casa. “Costumamos contar com esses elementos em halls de entrada, quartos, closets, banheiros e até mesmo na sala. Versáteis, resolvem bem a disposição de bolsas, casacos, chaves e até toalhas”, discorre a especialista.

Como escolher a peça ideal?

 

 (Alejandro Barba/Unsplash)

Em primeiro lugar, faça uma busca rápida, na internet, por cabideiros, ganchos e mancebos e observe a variedade de modelos oferecidos pelas lojas. A partir disso, é hora de decidir qual mais tipo de móvel se adequa melhor a sua necessidade. Observe as características com atenção.

 (Luisa Brimble/Unsplash)

“Antes de fazer a compra, tenha em mente para qual finalidade os objetos serão aplicados. Se a ideia for dispor casacos e bolsas no hall de entrada, o cabideiro deverá ser mais resistente. Agora, se a finalidade for acomodar objetos leves e pequenos, penduradores de plástico costumam servir bem”, orienta Carina.

 (Jason Leung/Unsplash)

Com isso em mente, é hora de pensar no local em que ela ocupará na casa. “Existem cabideiros na horizontal, vertical, fixos na parede ou apoiados no chão. Ganchos avulsos também nos permitem criar diversas composições. Entretanto, tudo vai depender da necessidade do lar e do espaço que temos disponível”, continua a arquiteta.

Atenção ao material escolhido!

 

 (Aviv Rachmadian/Unsplash)

Peças em madeira ou metal são mais resistentes e suportam pesos maiores. Já os cabideiros de plástico ou sustentados por ventosas e adesivos suportam objetos mais leves e costumam ser mais indicados para banheiros e cozinhas por acomodarem melhor toalhas, panos de prato e aventais.

 (swabdesign/Unsplash)

Mancebos são recomendados para roupas e acessórios, uma vez que permitem uma melhor acomodação das peças. Bijuterias, chaves, lenços e chapéus ficam melhores alocados em cabideiros presos à parede.

Veja também

Como combinar com a decoração

 

 (Anna Blazhnova/Unsplash)

Cabideiros, penduradores e mancebos também possuem função estética no ambiente. Assim, leve em consideração o estilo da decoração na hora da escolha: em ambientes rústicos, itens de madeira harmonizam perfeitamente ao estilo, enquanto para espaços modernos e minimalistas, penduradores de metal são mais apropriados.

 (Dan Counsell/Unsplash)

Além de auxiliar a disposição da casa, eles podem decorar a maioria dos ambientes com alegria e estilo. As peças são também itens importantes para moradores que almejam mais espaço de armazenamento, visto que ocupam um lugar mínimo nas paredes ou no chão dos cômodos.

 (Arion Reyvonputra/Unsplash)

“Desde os mais simples aos personalizados e com design moderno, os cabideiros e mancebos se tornam um diferencial na decoração. Outra opção possível é o DIY. Com materiais que com certeza o morador tem em casa, tutoriais no YouTube contribuem com a missão de elaborar um exemplar exclusivo e com muita personalidade”, finaliza Carina.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.