Casa Created with Sketch.

Portas de armários: qual a melhor opção para cada ambiente

O arquiteto Bruno Moraes orienta como eleger a alternativa capaz de aproveitar melhor os espaços da casa

 (Future/Brent Darby/Reprodução)

Ao mobiliar quartos, cozinhas, banheiros ou lavanderias, uma dúvida é comum entre os moradores: devo escolher armários com qual tipo de abertura de portas?

Além da questão estética, vários fatores devem ser levados em conta, como metragem do cômodo, espaço interno do móvel, necessidades dos moradores, preços e praticidade no dia a dia. Para contribuir nessa decisão, o arquiteto Bruno Moraes, do escritório Bruno Moraes Arquitetura, apresenta diversas orientações e ideias de ambientes para a casa.

Qual a melhor escolha?

 

 (Luis Gomes/Casa.com.br)

Cada escolha tem vantagens e desvantagens. Para quem tem um apartamento de metragem enxuta, os móveis com portas de correr costumam ser mais eficientes, pois economizam o espaço de abertura, evitando que encoste em outros móveis ou luminárias.

“Hoje em dia é muito grande o número de armários e guarda-roupas com portas de correr, principalmente para os imóveis menores”, conta Bruno Moraes.

 (Luis Gomes/Casa.com.br)

As portas de correr, porém, usam ferragens para que sejam movimentadas de um lado para o outro, portanto há uma redução no espaço interno do móvel por conta dos trilhos – em que geralmente uma porta fica na frente da outra.

Veja também

“Atualmente, o mercado já disponibiliza tipos de ferragens em que as portas ficam completamente alinhadas, mas ainda estão com valores mais altos”, conta o profissional.

Já para quem tem mais espaço, é possível investir nas tradicionais portas de giro. Contudo, Bruno recomenda que seja realizada uma medição prévia no cômodo desejado (já contando com o tamanho da porta totalmente aberta) para evitar o risco de comprar um móvel de tamanho inadequado.

 (Luis Gomes/Casa.com.br)

“Para metragens maiores, inclusive, é possível fazer um mix entre os dois tipos de armários, de acordo com o gosto do morador”, conclui.

Móveis customizados

 

“Cada imóvel possui suas particularidades, enquanto que cada família tem suas necessidades específicas. Dessa forma, uma boa ideia é apostar em móveis customizados ou planejados, para aproveitar os espaços da melhor forma. É importante que o cliente peça ajuda para um arquiteto ou marceneiro responsável, que poderá indicar os melhores caminhos durante a reforma”, aconselha Bruno.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.