Casa Created with Sketch.

Inspire-se no The Circle para decorar apartamentos pequenos

O reality da Netflix tem ótimas dicas sobre decoração de espaços pequenos

Sempre que surge um reality novo, é certo que prestaremos atenção à ambientação, principalmente quando envolve casas. Algumas vezes, as decorações se destacam por não serem muito agradáveis aos olhos (lê-se feias), o que não é o caso dos apartamentos do reality show da Netflix, o The Circle.

 (Shirley Higa/Pinterest)

O The Circle é uma competição que funciona como uma rede social: os participantes se mudam para um prédio do programa e só podem interagir através de uma tela. Ou seja, é impossível saber quem está por trás do perfil. O que não gera dúvidas, no entanto, é a qualidade da decoração dos apartamentos que são usados em todas as edições do reality, da versão estadunidense à brasileira.

 (Shirley Higa/Pinterest)

Todos eles têm a mesma metragem e se diferem na disposição e decoração. O designer de set do reality da Netflix, Paul Houston, mostra como é possível montar ambientes que mesclam funcionalidade, conforto e bom gosto. Veja a seguir dicas para decorar apartamentos pequenos com base nas casas em que os jogadores do The Circle ficam hospedados durante a participação no game.

Funcionalidade

Base de qualquer projeto, é preciso levar em consideração como os espaços serão usados. Por conta da necessidade de interação a qualquer momento, todos os cômodos têm uma TV, que pode ser utilizada por comando de voz. Sim, inclusive o banheiro.

 (Shirley Higa/Pinterest)

Apesar disso, as casas também têm o mesmo que todas as outras residências: quarto, cozinha, banheiro e sala. E ao organizar esses cômodos, as TVs precisam estar posicionadas em lugares que o participante tenha fácil acesso e não fique desconfortável. Além disso, a disposição deles é pensada de modo que valorize os metros quadrados definidos para o apartamento. O que nos leva ao segundo ponto:

Integração

 (Shirley Higa/Pinterest)

Truque muito utilizado quando se quer aproveitar melhor os espaços compactos, a integração está presente em todos os projetos do prédio do The Circle. A sala e a cozinha, apesar de bem definidas, geralmente com o uso de tapetes e mesas, não têm uma divisão como uma parede ou porta, o que auxilia na sensação de amplitude.

Cores e texturas

 (Shirley Higa/Pinterest)

O grande destaque é que mesmo com um layout fixo e com pouca alteração nos tipos de mobiliário, cada apartamento possui seu próprio estilo. Fazendo uso de cores e texturas, o designer cria um ambiente único para cada participante.

 (Netflix/Divulgação/NY Time/Reprodução)

Enquanto em um dos apartamentos o tom de rosa ajuda a criar uma atmosfera mais calma, em outro o contraste usando tons escuros formam um ambiente moderno. O que mostra que não importa o seu estilo, ele vai funcionar mesmo em espaços pequenos.

Plantas

 (Netflix/Divulgação/JC/Reprodução)

Você não precisa ser um amante de plantas para concordar que elas trazem vida (não literalmente, pode ser uma planta falsa) para os projetos. Em abundância, elas dão a sensação de contato direto com a natureza, suprindo a necessidade de sair. Por outro lado, as plantas em lugares pontuais trazem uma sofisticação para a decoração.

Conforto

Muito importante para quem não pode sair de casa (como aprendemos nesse último ano de quarentena e isolamento social por conta da COVID-19), o conforto deve ser levado em consideração sempre que for preciso pensar em uma casa. Uma cama de mármore seria lindíssima, mas não dá para dormir nela.

 (Netflix/Divulgação/Pinterest)

Pensando nisso, é muito importante citar que independente de estilo, disposição e decoração que você use, o espaço deve ser aconchegante e ter uma sensação de casa, além de respeitar as questões ergométricas: como circulação, postura (quando se trata de assentos), altura das bancadas e mobiliários.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.