Casa Created with Sketch.

Apartamentos pequenos: veja como iluminar cada cômodo de forma fácil

O planejamento ajuda a criar sensações de amplitude, bem-estar, aconchego e concentração

 (Emerson Rodrigues/Divulgação)

Para os que vivem em moradias pequenas, a busca por alternativas criativas para ganhar mais espaço, sem perder o charme, é crucial no projeto de decoração. Mobiliários planejados, peças multifuncionais, soluções diferentes para harmonizar as áreas e, principalmente, a iluminação – que transforma o astral da casa – são algumas das apostas desse moradores.

Para deixar o seu cantinho bem pronto para  proporcionar ótimas experiências para moradores e visitas, confira algumas dicas da Yamamura, referência no segmento:

Dicas gerais 

 

Em apartamentos com integração total ou parcial opte por uma iluminação versátil e compacta para fins diversos. Evitando quebra-quebra das reformas, inclua luminárias de mesa, piso – basta conectar na tomada – de arandela articulada e trilho – que tornam possíveis a inserção e retirada de spots a qualquer momento.

O que você deve evitar

 

Fuja dos lustres de cristal grandes e luxuosos, pois ocupam muito espaço, limitando o uso da peça e reduzindo as dimensões do cômodo. Ventiladores de teto volumosos, desproporcionais ao local, também podem atrapalhar. Itens com características semelhantes a essas devem estar fora do seu planejamento, foque em proporcionar uma sensação de amplitude.

Salas de estar e jantar

 

As salas de estar e jantar em imóveis com metragem reduzida costumam ser integradas. Logo, o tipo de iluminação deve ser eficiente para os dois aposentos. Invista em luzes de 2400K a 3000K, perfeitos para compor um ambiente intimista, receber convidados ou para uma noite de jogos.

Veja também

Aqui, pequenos pendentes, trilhos ou plafons minimalistas são as melhores opções. Tenha em mente que o ideal é não fechar completamente a visão de quem está no local, pois isso promove a separação de áreas e as torna mais estreitas.

Cozinhas e banheiros

 

O uso de perfis de LED em móveis, acima das bancadas, é ótimo para auxiliar nas tarefas. Para maior eficácia, adicione trilhos centrais e opte por uma cor neutra (4000K) ou branco quente (3000K).

Especialmente nos banheiros, pequenas arandelas nas paredes ou nos espelhos oferecem brilho que pode te ajudar na hora da maquiagem ou de fazer a barba. Para um toque a mais, pendentes podem ir em cima das bancadas para dar um charme ao espaço – mas não se esqueça de estar atento aos tamanhos.

 

Torneira de parede da linha Boss com a cuba sem mesa P3 da linha Platinum

Torneira de parede da linha Boss com a cuba sem mesa P3 da linha Platinum (Incepa/Divulgação)

Os boxes não podem ficar de fora dessa. Adicione um pequeno plafon com lâmpada PAR 20 e IP65, sempre com tensão de 12V para evitar choques, ou RGB com efeito cromoterapia – que deixa o aposento mais relaxante. O branco quente (3000K) também consegue impulsionar a sensação.

Quartos

 

Aqui, conforto é tudo. Trilhos com spots AR70, para um ambiente com contrastes de luz e sombra proporcionam tranquilidade no fim do dia. Direcione o brilho para quadros, espaços de circulação e cantinhos de estudos.

Outra opção é o uso de arandelas e pequenos pendentes nas laterais da cama ou nas cabeceiras. A iluminação indireta traz aconchego para o cômodo – ótima para uma boa noite de sono. Ainda com esse mesmo objetivo, o uso de plafons oferecem a mesma suavidade.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.