Tijolinhos e cimento queimado compõem estilo industrial neste apê de 90 m²

Projeto do escritório Base Arquitetura adicionou bastante personalidade aos cômodos

Por Luiza Cesar Atualizado em 24 jul 2022, 13h33 - Publicado em 24 jul 2022, 13h00
Sala com parede de tijolos
Guilherme Pucci/Minha Casa

Um casal de jovens buscava transformar totalmente este apartamento de 90 m² em Santo André, São Paulo, onde o rapaz viveu durante a infância e adolescência. Eles desejavam uma reforma completa e integração da sala com a cozinha.

Parede de tijolos é destaque nesta sala
Guilherme Pucci/Minha Casa

Para atender a essas demandas, o escritório Base Arquitetura demoliu um dos quartos existentes para realizar a integração, mas mantendo dois dormitórios, que acomodam o casal e a irmã dele.

Apartamento com sala, sala de jantar e cozinha integradas
Guilherme Pucci/Minha Casa

“Buscamos uma engenheira que nos auxiliou com um laudo das paredes que poderiam ser derrubadas. Isso foi de extrema importância pois o edifício é super antigo e não tínhamos informações sobre a estrutura existente. Preservamos um trecho de parede em formato “L” que foi preenchido para ficar com cara de pilar.

A partir daí, demolimos as paredes da cozinha, sala e um antigo quartinho (que foi eliminado) para a junção total destes ambientes”, explica o escritório.

Sofá cinza em sala de estar
Guilherme Pucci/Minha Casa

A partir disso, o projeto focou nos detalhes e decoração para o imóvel. Um dos principais destaques é a parede de tijolinhos originais, que foi descoberta durante a obra. A surpresa foi incorporada na sala de estar, exibindo seu charme e imperfeições.

O ambiente também conta com um painel de placas cimentícias atrás do sofá, criando um cenário industrial para o apartamento.

Cozinha com marcenaria azul
Guilherme Pucci/Minha Casa

Um tom forte de azul foi aplicado no corredor e na marcenaria da cozinha, criando uma composição entre os dois espaços e trazendo uma harmonia colorida para o local.

Continua após a publicidade

Cama com diversas almofadas
Guilherme Pucci/Minha Casa

No dormitório da irmã, a marcenaria é cheia de detalhes e funções. O escritório desenhou um móvel multifuncional para acomodar um espaço de estudos, servir como penteadeira, porta-jóias, uma casinha para as chinchilas da cliente e outros tipos de armazenamento.

Quarto com marcenaria multifuncional
Guilherme Pucci/Minha Casa

Uma caixa com respiro, conectada à mesa, onde dormem os bichinhos, possui uma gaveta inferior que deposita a sujeira que cai da “gaiola”.

Quarto com cama baixa e cabeceira extensa
Guilherme Pucci/Minha Casa

Para o quarto do casal, uma cama baixa e uma cabeceira extensa com luz embutida foram posicionadas. Já no banheiro, os moradores ganharam um nicho grande e um box super generoso.

Cozinha azul integrada com o living
Guilherme Pucci/Minha Casa

Revestimento cimentício, textura de cimento queimado no teto, serralheria nos móveis e luminárias de sobrepor com a fiação aparente são outras características industriais presentes.

Living integrado
Guilherme Pucci/Minha Casa

A amplitude dos espaços integrados e o pé direito alto ajudam no conforto térmico das áreas sociais, uma vez que o apartamento não possui ar condicionado.

Veja mais fotos do projeto na galeria abaixo:

Continua após a publicidade

Publicidade