Casa Created with Sketch.

Por dentro da casa de Kanye West e Kim Kardashian 

Esse é um belo exemplo de que o simples também pode ser luxuoso

 (Kim Kardashian/Instagram)

Se alguém esperava que a moradia do Kanye West seria monótona, realmente não conhece o rapper. A propriedade que ele adquiriu com a Kim Kardashian, quando ainda eram casados, mostra muito bem como a arte faz parte de todos os aspectos da sua vida.

A residência ficou muito conhecida pelo seu conceito minimalista, especialmente a estética japonesa wabi-sabi – que valoriza o monocromático, aspecto natural das coisas, autenticidade e organização.

 (Jackie Nickerson/Reprodução)

“Isto é o que esta casa é, energia wabi-sabi”, responde o cantor em entrevista para o David Letterman. Foi a partir disso que o casal, junto com os designers Axel Vervoordt e Vincent Van Duysen, renovou o imóvel – que já existia, mas com características completamente opostas.

“Kanye e Kim queriam algo totalmente novo. Não falamos sobre decoração, mas uma espécie de filosofia sobre como vivemos agora e como viveremos no futuro”, explicou Axel – à Architectural Digest.

Conheça mais sobre esse espaço, que é uma verdadeira experiência zen:

 (Jackie Nickerson/Reprodução)

Entrando na residência, logo de cara, uma declaração forte revela o conceito aplicado na arquitetura. Uma mesa no centro da entrada, combinada com as curvas da escada e um recorte na parede – que leva a um dos cômodos – cria um cenário perfeito de boas-vindas.

Uma sala, perto da porta, guarda uma coleção de cerâmicas de Yuji Ueda, representado por Takashi Muraki – artista que Kanye admira.

 (Jackie Nickerson/Reprodução)

Todos os aposentos são revestidos de gesso esbranquiçado, luminoso e acentuado com elementos de materiais naturais claros. A casa segue uma paleta neutra e com apenas alguns detalhes em preto – como maçanetas, mesas e acabamentos de cadeiras -, o que adiciona um contraste.

O mobiliário, que consiste em poucas peças – pontuais, assimétricas e muito bem planejadas -, contém a presença de outros designers, como Jean Royère e Pierre Jeanneret. Porém, as proporções dos cômodos é o que forma decoração.

 (Jackie Nickerson/Reprodução)

Isso significa pouca funcionalidade? De forma alguma! Kim assegurou que todos os ambientes tivessem locais de armazenamento e móveis úteis e necessários para o dia a dia – sempre seguindo o estilo minimalista.

Veja também

Ao longo dos aposentos, pode-se notar que figuras são formadas com a junção do teto e as paredes, elevando mais uma vez o significado de decoração. Essa característica está nitidamente presente no corredor da casa, constituído por arcos no teto.

 (Jackie Nickerson/Reprodução)

Nessa mesma área, cortes nas superfícies das paredes enquadram peças de arte e até mesmo a entrada de luz natural e a paisagem verde do jardim.

Falando de obras de arte, uma sala foi dedicada, exclusivamente, a uma grande escultura, semelhante a uma criatura, da artista Isabel Rower. Não poderíamos esperar menos que isso, não é?

Poucas portas podem ser vistas, o objetivo, aqui, é que tudo seja conectado. A cozinha também segue o padrão, sendo completamente aberta e com uma grande ilha no centroAo lado, uma mesa de jantar é cercada por cadeiras e um sofá em formato “L” que percorre as paredes.

 (uncrate.com/Reprodução)

O quarto e o banheiro do casal é onde grande parte dos elementos singulares da casa se concentram. O banheiro apresenta um teto de luz, estilo lightbox, que ilumina o espaço inteiro, além de altas e compridas janelas que trazem a natureza para dentro.

 (Hello Magazine/Reprodução)

Uma pia peculiar, desenhada pelo próprio West, não possui cuba, apenas um ralo retangular por onde a água escorre. O que garante o funcionamento é o desenho irregular da bancada. Ademais, os interruptores de luz são apenas três botões enfileirados e a TV, posicionada de frente para a cama, sai do chão! O rack se encaixa perfeitamente ao piso e surge apenas nos momentos de uso.

 (Netflix/Reprodução)

Já o closet parece uma loja de grife, pois todas as roupas foram organizadas para que não haja uma sensação de aglomeração. As peças são posicionadas em cabides e com uma distância entre uma e outra.

 (Jackie Nickerson/Reprodução)

Você pode se perguntar se criar quatro filhos pequenos em um local como esse é adequado, certo? Bom, Kim e Kanye asseguram que a residência é apropriada para crianças. Áreas para jogos e brinquedos é o que não falta.

 (Kim Kardashian/Instagram)

Ter um mobiliário reduzido pode, inclusive, significar mais espaço para os pequenos soltarem a imaginação e correrem por aí.

 (Jackie Nickerson/ Architectural Digest/Reprodução)

E não podemos esquecer do quarto banhado de rosa da North, que se alinha ao tema monocromático do resto da casa.

*Via Architectural Digest

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.