Mesa embutida: como e porque utilizar essa peça versátil

Você sabia que ela pode ser inserida em qualquer cômodo? Q-U-A-L-Q-U-E-R um!

Por Redação Atualizado em 4 mar 2022, 23h06 - Publicado em 5 mar 2022, 19h00
Mesa retrátil de jantar com cadeiras
Loja de Produtos de Boa Ideia/Reprodução

Diante de ambientes com metragem reduzida e o desejo de explorar ao máximo as funções pretendidas, a mesa embutida consegue atender crianças e adultos.

Neste projeto, Karina Korn utilizou uma mesa em baixo de um mezanino que serve como um espaço de brincadeiras para a criança, pensando na sua função de canto de estudos e na otimização de espaços no ambiente
Neste projeto, Karina Korn utilizou uma mesa em baixo de um mezanino que serve como um espaço de brincadeiras para a criança, pensando na sua função de canto de estudos e na otimização de espaços no ambiente| Elisa Soveral/Casa.com.br

Extremamente versátil, ela pode ser adicionada em diversos cômodos na sua casa, como explica a arquiteta Karina Korn, à frente do escritório que leva seu nome: “Muito empregada em cozinhas e salas de jantar, a verdade é que ela não se limita apenas a esses cômodos. Muito pelo contrário: ela pode ser inserida em diferentes ambientes, até mesmo em uma varanda ou um banheiro”.

Mesa embutida na cozinha
Reprodução/Pinterest

Sua funcionalidade é outro fator que nem todos conhecem. A possibilidade de abrir e esconder quando desejado vai muito além.

Veja também

Mesa que sai de um painel branco com armários e nichos

Continua após a publicidade

“Como profissional de arquitetura, nossa percepção acompanha questões como a estética de uma mesa no layout do ambiente, bem como avaliar a necessidade de uma peça maior que ocupa a área 100% do tempo. Mesmo quando o ambiente é maior, pode ser que a mesa embutida se configure como a melhor escolha”, conta a profissional.

No quarto infantil, a arquiteta optou por uma mesa saindo da bicama em que as crianças pudessem estudar, desenhar ou brincar, já que elas gostam de se sentar no chão
No quarto infantil, a arquiteta optou por uma mesa saindo da bicama em que as crianças pudessem estudar, desenhar ou brincar, já que elas gostam de se sentar no chão Celina Germer/Casa.com.br

A mesa embutida pode apresentar diversos formatos e modelos – como as projetadas debaixo de uma bancada, que dobram na parede, saem de uma penteadeira, dão origem à uma tábua de passar ou até mesmo uma mesa de atividades escondida debaixo da cama. A escolha depende da necessidade da casa e do morador.

Mesa retrátil para escritório
Storables/Reprodução

Agora que você já sabe quais elementos estão presentes na escolha da peça, outras questões também devem ser levadas em conta antes de seguir com o projeto de decoração. Primeiro, tenha certeza do número de moradores da casa e qual o propósito do emprego do móvel – para refeições, estudo ou ponto de apoio.

Mesa que sai de um aparador e se encaixa para se tornar invisível
Reprodução/Pinterest

Cada cômodo deve receber um projeto que demanda um tipo de mesa, de acordo com as suas atribuições. Logo, a cozinha, sala de estar, jantar, home theaters, quartos e banheiros podem ganhar uma nova funcionalidade e design, sendo a mesa embutida a resposta para ocasiões ou problemas de espaço.

Continua após a publicidade

Publicidade