LEGO lança conjuntos de plástico sustentável

Mais de 150 pessoas estão trabalhando para a marca conseguir produzir produtos de material reciclado

Por Luiza Cesar Atualizado em 25 jul 2021, 19h08 - Publicado em 25 jul 2021, 19h00
LEGO/Designboom

O grupo LEGO divulgou um protótipo do primeiro tijolo sustentável. Utilizando plástico PET, de garrafas descartadas, as novas peças atendem aos rígidos requisitos de qualidade e segurança da marca.

Cientistas e engenheiros de materiais colocaram a mão na massa e testaram mais de 250 variações do Politereftalato de etileno e centenas de outras formulações de plástico, durante três anos. E, finalmente, o resultado chegou!

LEGO/Designboom

Em média, uma garrafa PET de um litro fornece matéria-prima suficiente para a produção de dez peças de 2×4. Apesar de ser um avanço na direção certa, ainda vai demorar até que os novos tijolos apareçam nas caixas dos produtos da empresa.

A equipe continua com os testes e desenvolvimento da fórmula para animais de estimação e, logo em seguida, irá avaliar se deve passar para a fase de produção piloto – com duração de aproximadamente um ano.

LEGO/Designboom

A formulação do material aumenta a durabilidade do plástico reciclado e o torna forte o suficiente para os blocos. Uma tecnologia de composição sob medida combina o PET com aditivos de reforço, em um processo inovador.

Continua após a publicidade

Veja também

LEGO/Designboom

Pesando em maneiras de reciclar e não esgotar os recursos do meio ambiente, o protótipo é feito a partir de elementos provenientes de fornecedores nos Estados Unidos. Essa não é a primeira vez que LEGO fala sobre o uso de plásticos em seus produtos. Em 2020, a empresa anunciou o começo da remoção das embalagens descartáveis de suas caixas.

LEGO/Designboom

Outro fato marcante é que, em 2018, ela também passou a produzir elementos de biopolietileno (bio-PE), feitos a partir de cana-de-açúcar de origem sustentável – perfeitos para fazer peças menores e mais suaves.

LEGO/Designboom

“Estamos super empolgados com essa descoberta. O maior desafio em nossa jornada de sustentabilidade é repensar e inovar materiais que sejam tão duráveis, fortes e de alta qualidade quanto nossos tijolos existentes – e que se encaixem com elementos LEGO feitos nos últimos 60 anos. Com este protótipo, podemos mostrar o progresso que estamos fazendo”, comentou Tim Brooks, vice-presidente de responsabilidade ambiental da marca.

*Via Designboom

Continua após a publicidade

Publicidade