Casa Created with Sketch.

Casa dos anos 70 em Londres ganha décor leve e minimalista

O projeto é da arquiteta Yoko Kloeden, que, ao mesmo, modernizou e valorizou a arquitetura original do imóvel

Para deixar o ambiente mais aconchegante, um lustre contemporâneo e apliques de parede foram escolhidos para emitir um brilho quente, enquanto no inverno a lareira adiciona calor físico

Para deixar o ambiente mais aconchegante, um lustre contemporâneo e apliques de parede foram escolhidos para emitir um brilho quente, enquanto no inverno a lareira adiciona calor físico (Brent Darby/BowerBird)

Construída pela primeira vez na década de 1930, esta casa em Richmond remonta ao período entre guerras da Grã-Bretanha e, na década de 70, tornou-se o lar da cantora e atriz britânica Bonnie Langford.

Com características arquitetônicas originais ainda intactas, a arquiteta Yoko Kloeden transformou o imóvel antiquado em um design contemporâneo para se adequar ao estilo de vida agitado da jovem família e ecoar seu estilo efervescente.

A equipe de design decidiu aumentar a abertura da passagem e instalar portas no estilo Crittall para emoldurar a vista do grande jardim, inundando a sala com luz

A equipe de design decidiu aumentar a abertura da passagem e instalar portas no estilo Crittall para emoldurar a vista do grande jardim, inundando a sala com luz (Brent Darby/BowerBird)

Sem nenhuma reforma desde os anos 80, a casa foi transformada por Yoko. “Os interiores anteriores eram muito escuros e pesados. Os moradores queriam refletir a sua estética e estilo de vida pessoais, enquanto modernizavam todos os serviços – como eletricidade e encanamento”, disse.

 (Brent Darby/BowerBird)

A inspiração para o projeto surgiu dos cantos arredondados da casa, em que tetos e paredes se unem para criar curvaturas. A arquiteta sugeriu então enfatizar esses arcos para honrar a arquitetura original e manter o caráter do imóvel.

“Ao remover as características muito antigas, como janela arquivada, painéis de parede excessivos e grades de imagem que dividiam as paredes e o teto visualmente, pudemos destacar as características mais desejáveis ​​enquanto refletíamos a arquitetura original de quando ela foi construída”, diz a profissional.

 (Brent Darby/BowerBird)

Yoko optou por manter uma paleta de cores minimalista e utilizar texturas naturais variadas de cal, carvalho, aço e mármore. Em contraste com as cores neutras, delicados toques de cor inundam a sala através da porta de vitral original e das luzes laterais.

Veja também

 (Brent Darby/BowerBird)

Como fundo do décor, ficam as paredes de tijolos expostos que foram caiadas de branco, em busca de descrição.

Desafiada a equilibrar duas funções e propósitos muito diferentes – um espaço de vida sofisticado e um escritório em casa – a ambição de Yoko era permitir que o espaço fosse produtivo durante o dia e refrigerado à noite.

 (Brent Darby/BowerBird)

Mantendo o tom pessoal e trazendo vários móveis vintage, o quarto pode ser facilmente adaptável. A paleta de cores – inspirada na obra de arte dos moradores de uma paisagem urbana de Nova York à noite – adiciona elegância e charme ao espaço, enquanto a mesa foi posicionada em frente à janela para que nenhuma função seja comprometida.

Admitindo que os clientes queriam incorporar rosa nas paredes da casa, Yoko optou por um tom neutro que complementava os acentos dentro do resto do projeto do banheiro

Admitindo que os clientes queriam incorporar rosa nas paredes da casa, Yoko optou por um tom neutro que complementava os acentos dentro do resto do projeto do banheiro (Brent Darby/BowerBird)

O resultado é uma casa de família eclética e descontraída, onde as características arquitetônicas originais, móveis modernos e vintage coexistem alegremente para criar um espaço que reflete, ao mesmo tempo, a sua herança e os proprietários.

Confira mais fotos na galeria:

* Via BowerBird

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.