Casa Created with Sketch.

Ambientes integrados e toques de cor são destaques neste apê de 90 m²

O estilo hygge foi uma das inspirações da arquiteta, que planejou um projeto onde cabem todos os seus sonhos

 (Lilia Mendel/Casa.com.br)

Depois de resolverem mudar de bairro para ficar mais perto da família e da natureza, a arquiteta Marina Romeiro e seu marido escolheram um apartamento de 90 m², na Barra da Tijuca. Ali, realizaram alguns de seus antigos sonhos em relação ao morar. “Sempre quis ter um closet, ainda que pequeno, e uma penteadeira. Além disso, sempre gostei de receber amigos em casa, preparando um jantar ou algo do tipo”, revela Marina. Depois da reforma, que a profissional planejou com todo o cuidado, todos eles foram realizados.

 (Lilia Mendel/Casa.com.br)

Para isso, ela fez algumas alterações no layout com a intenção de integrar os ambientes e deixar a circulação mas fluida. Afinal, trata-se de um edifício de 40 anos e os espaços eram bem compartimentados. Para criar o pequeno closet na suíte do casal, o banheiro e uma parte do corredor perderam alguns metros.

A cozinha ganhou mais espaço ao avançar sobre o antigo quarto de serviços e foi toda aberta para a sala, assim como a varanda, que perdeu as esquadrias para criar essa sensação de unidade. “Toda essa integração criou uma permeabilidade visual melhor no living. Os espaços ficaram mais amplos e trouxe mais iluminação e ventilação naturais”, pontua.

 (Lilia Mendel/Casa.com.br)

A inspiração de Marina para este projeto foi o hygge, um conceito dinamarquês que prioriza elementos naturais e simples para criar ambientes acolhedores. Assim, para a decoração, ela escolheu cores suaves para a base, com tons mais fortes em alguns pontos. A parede de tijolinhos pintada de branco também é a cara do hygge e deixa o espaço mais aconchegante.

 (Lilia Mendel/Casa.com.br)

Um dos destaques do apartamento, a varanda tornou-se espaço do estar e, para criar essa unidade visual, a arquiteta usou alguns elementos, como os tijolinhos brancos que percorre todo o espaço e o piso de porcelanato amadeirado. Para funcionar como extensão da sala, a varanda ganhou um ponto de apoio, com uma bancada e uma cervejeira. “Este espaço é ideal para receber os amigos e deixá-los mais à vontade”, diz.

 (Lilia Mendel/Casa.com.br)

A cozinha, por sua vez, ganhou uma porta articulada de metal e vidro, que traz leveza para o espaço e possibilita deixar tudo aberto para o living. Na bancada da copa, uma bancada apoia os eletrodomésticos do dia dia, que fica camuflada quanto a porta está fechada. Uma boa sacada: o vidro instalado atrás do fogão permite a entrada da luminosidade que vem da sala e, ao mesmo tempo, esconde as roupas do varal na área de serviço.

 (Lilia Mendel/Casa.com.br)

Para ver mais detalhes deste projeto, acesse a galeria de fotos abaixo!

 

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.