Casa Created with Sketch.

Esta loja parece ter saído direto de Black Mirror

Se você assistiu Black Mirror e se assustou por parecer muito próximo à realidade, espere até ver essa loja.

 (Reprodução/Designboom)

A marca ‘Gentle monster‘ continua a redefinir a ideia de espaços comerciais convencionais com sua nova loja em Xangai. Apelidada de haus shanghai , a nova visão abrange mais do que uma experiência comercial, oferecendo uma abordagem cultural provocante que continua com a evolução da marca, combinando espaços de varejo, exposição e experimentação. 

 (Reprodução/Designboom)

Abrangendo um total de 3.270 metros quadrados divididos em quatro andares, o complexo possui a maior loja do gentle monster até hoje, junto com sua marca de fragrâncias tamburin e sua marca de sobremesas surreal chamada nudake.

Os visitantes são recebidos pela assinatura da marca, a sonda – um robô ambulante de seis pernas que foi criado por seu próprio laboratório de robótica. O autômato em forma de tarântula é acompanhado por uma instalação de cavalos com caudas mecânicas que se movem de um lado para o outro, que capturam o espírito de experimentação e fantasia de nudake.

Veja também

A experiência de comidas e bebidas é aprimorada com a soma de arte em mídia de colagem e móveis monocromáticos que contrastam com tons quentes de madeira.

 (Reprodução/Designboom)

No segundo andar, os visitantes encontram a maior loja da marca até hoje. Um interior azul misturado com fotos de grandes dimensões e obras de arte tenazes criam uma circulação inesperada dentro do espaço. e, de fato, a ‘gentle monster’ desafia os layouts tradicionais dos espaços comerciais que priorizam a eficiência e a função, exemplificando aqui sua ideia de como o varejo deve ser no futuro.

Apropriadamente chamado de circulação, o tema do espaço reúne diferentes instalações e obras de arte que resultam em estímulos visuais e auditivos, que criam tensão e ritmo em todo o espaço.

 (Reprodução/Designboom)

O terceiro andar foi dedicado a um grande espaço de exposição com exibições de arte de mídia com curadoria da marca e pop-ups de colaboração. Colocado no centro do piso, um rosto de robô gigante expande o gigante que chegou ao tema da vila dos pássaros.

A escultura de um robô de rosto superdimensionado, de alguma forma assustadora, retrata a vila de pássaros junto com outras esculturas e instalações.

 (Reprodução/Designboom)

O quarto e último andar contém a primeira loja flagship da china, que expressa elegância e individualidade por meio do delicado equilíbrio dos elementos espaciais enquanto captura a visão artística da marca. Por exemplo, twig – uma instalação de parede feita de galhos de árvores – lembra a intersecção entre a crueza e o luxo que a marca retrata por meio do contraste dos materiais. 

*Via Designboom 

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.