Casa Created with Sketch.

O mobiliário chega para ganhar espaço na 37ª Paralela Design

Para além de objetos, a feira expõe mobílias que apresentam designs autorais, ousados e preocupados com a sustentabilidade. Confira!

Banco TRIO, por Daniel Coutinho, expositor da Paralela Design.

Banco TRIO, por Daniel Coutinho, expositor da Paralela Design. (Divulgação/Casa.com.br)

Nem só de objetos vive a Paralela! A feira mais tradicional e conceitual do mercado do design brasileiro tem ganhado, a cada edição, mais expositores do setor mobiliário.

Neste ano, a mostra ocorrerá entre os dias 12 e 14 de fevereiro, na Oca do Ibirapuera, em São Paulo. Para conhecer um pouco mais sobre os expositores de mobília nesta 37ª edição, basta dar uma olhada na lista abaixo:

80e8

Banco Sputink.

Banco Sputink. (Divulgação/Casa.com.br)

Acreditando no consumo consciente e na valorização dos meios de produção, os designers Antônia Almeida e Fabio Esteves desenvolveram a 80e8, com o objetivo de experimentar novas maneiras de criação, através da transformação própria de cada material usado nas peças com muita criatividade.

A 80e8 propõe soluções diferenciadas em diversas áreas, como design de mobiliário, iluminação, objetos, interiores, instalações e cenografias, utilizando materiais como metal, vidro, madeira, entre outros.

Alva Design

 (Divulgação/Casa.com.br)

A Alva Design tem ganhado repercussão e prestígio por seus trabalhos instigantes e com pegada retrô/contemporânea. Fundada em 2012 pelos irmãos Susana Bastos e Marcelo Alvarenga, a Alva é um escritório de design de mobiliário e de objetos, com projetos diferenciados e um olhar voltado para a arquitetura e artes plásticas. Susana e Marcelo desenvolvem produtos que vão além da racionalidade, explorando o inusitado e novas funções.

Doma

Poltrona Origem.

Poltrona Origem. (Divulgação/Casa.com.br)

A Doma é uma marca de mobiliário assinado, que usa a madeira e sua singularidade como matéria-prima. Fundada em 1979, a empresa tem como premissa valorizar a beleza do traço simples e do design atemporal, que se expressa em móveis que são criados para durar por muitos anos, fugindo dos modismos.

A busca pela evolução através de novas tecnologias não se contrapõe ao esmero quase artesanal da produção, arraigada no intuito primordial de conduzir um processo que se preocupa com o meio ambiente e nossa influência sobre ele.

Emobilia

Banco Siriema.

Banco Siriema. (Divulgação/Casa.com.br)

O aproveitamento de sobras dos recortes das chapas de aço dos contêineres serviu de ponto de partida para as criações da Emobilia. Fundada em 2017 em Lagoa Santa, Minas Gerais, pelos engenheiros Andrea Chaves e Leonardo Mattos, a empresa compromete-se com o desenvolvimento sustentável através do aproveitamento de resíduos e do trabalho local.

Vivi Rosa

 (Divulgação/Casa.com.br)

A necessidade de criar algo com suas próprias mãos fez com que Vivi Rosa se apaixonasse pela marcenaria. Suas peças exploram formas geométricas, transformando sua estética em uma visão mais nostálgica em comunhão com o futuro, resultando em peças extremamente elegantes e contemporâneas.

Studio Fio

Mesa Môvasse.

Mesa Môvasse. (Divulgação/Casa.com.br)

Com base em uma interpretação lúdica de arte, dança, cenografia e luz, a Studio Fio nasce pelas mãos de Mariana Spinola, arquiteta e designer de interiores e mobiliário.

Seguindo uma linguagem minimalista, o ateliê brinca com as formas, mas preservando a usabilidade de cada peça criada. O olhar sensível da artista traz à vida itens que ganham em delicadeza e sutileza, por meio do uso do vidro, madeira, fibras e metais.

Marcelo Bilac

Mesa Quatro.

Mesa Quatro. (Divulgação/Casa.com.br)

Uma das grandes paixões do designer Marcelo Bilac é pesquisar novos materiais para produzir seu trabalho. A matéria-prima de suas peças são oriundas de árvores caídas, sucata automotiva, vidros, resíduos da construção civil.

Assim, Marcelo dá vida as suas criações com riqueza de detalhes e diferentes formas. O que torna seu produto único!

Knót

Linha Circular.

Linha Circular. (Divulgação/Casa.com.br)

As criações da arquiteta Renata Gutierrez e do woodworker britânico James Rowland dão vida à marca Knót, que exalta a madeira maciça esculpida com simplicidade de forma artesanal, com técnicas da marcenaria tradicional. O resultado desse trabalho são peças contemporâneas e atemporais, que devem ser sentidas.

Daniel Coutinho

Sofá Pebble.

Sofá Pebble. (Divulgação/Casa.com.br)

Apaixonado por design, Daniel Coutinho decidiu se aventurar pelo segmento, transformando seus desenhos autorais em uma coleção ousada de móveis.

Sua experiência em tapeçaria, metalurgia e marcenaria o fez criar peças com muita identidade, com desenho e formas limpas e muita modernidade, com preocupação em uma produção sustentável.


37ª Paralela Design

Quando: de 12 a 14 de fevereiro de 2020.

Onde: no Pavilhão Oca Ibirapuera – Av. Pedro Álvares Cabral, Parque Ibirapuera (portão 3).

Mais informações: aqui. Credenciamento no site.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.