Casa Created with Sketch.

Designer reimagina bar de “Laranja Mecânica”!

Crítica e sensualidade se misturam nessa leiteria inspirada na obra de Stanley Kubrick

 (Reprodução/dezeen)

Imagens de seios e copos se combinam nesta fonte, projetada pelas estudantes universitárias Lolita Gomez e Blanca Algarra Sanchez. A inspiração vem do Korova Milk Bar, do filme Laranja Mecânica, e atualmente está em exibição na Semana de Design de Milão.

A instalação, que faz parte da exposição Alcova, inclui uma vultosa barra circular rosada que atende clientes por meio de sifões e xícaras que remetem a mamilos.

A instalação é baseada no Korova Milk Bar de Laranja Mecânica, filme do diretor Stanley Kubrick

A instalação é baseada no Korova Milk Bar de Laranja Mecânica, filme do diretor Stanley Kubrick (Reprodução/dezeen)

O leite como símbolo

Ao sugerir as curvas da forma feminina, as alunas da escola de design HEAD, de Genebra, esperam oferecer uma reinterpretação mais abstrata do cenário do filme distópico de Stanley Kubrick, onde homens bebem leite misturado com drogas, apoiados sobre estátuas de mulheres nuas. “Decidimos fazer algo mais sensual e orgânico”, disse Gomez.

 (Reprodução/dezeen)

“Então trabalhamos com a ideia de chafariz e o imaginário da alimentação. O projeto incorpora o feminino, mas de forma sutil, ou seja, é mais sobre o formato do seio e o ritual de obter o leite”. O leite em si é armazenado em quatro jarras de aço, suspensas teatralmente acima do bar e iluminadas por esferas brilhantes.

Veja também

A partir dali, o líquido é bombeado para taças esféricas e servido em copos de cerâmica feitos à mão. Cada um com um bico na parte inferior e iluminado por baixo por um holofote direcional embutido no balcão.

Copos de cerâmica em forma de seio são sustentados por uma estrutura de aço

Copos de cerâmica em forma de seio são sustentados por uma estrutura de aço (Reprodução/dezeen)

O agro é pop?

“Nós realmente queríamos projetar tudo, até a vidraçaria”, comenta Gomez. “Todos os mamilos são únicos e têm cores e formas diferentes.” Esse senso de feminilidade é combinado com um visual de agroindústria, evidente nos jarros de aço industriais e nos bancos para tratores com assentos de metal.

O conjunto tem como objetivo criar a impressão de se estar ordenhando a fonte, mas com leite de amêndoas em vez de vacas jorrando. Um comentário sobre a natureza exploradora da indústria de laticínios. “É tudo sobre uma comparação entre mulheres e vacas”, explica Gomez.

Os bancos que circulam o bar têm assentos de metal para tratores

Os bancos que circulam o bar têm assentos de metal para tratores (Reprodução/dezeen)

Originalmente concebido como parte do mestrado das alunas em arquitetura de interiores, o projeto está agora em exibição pela primeira vez, após dois anos de atrasos contínuos pela pandemia de coronavírus.

A exibição compõe parte de uma exposição maior de pós-graduação da universidade, com curadoria do arquiteto francês India Mahdavi e centrada no tema de espaços interiores icônicos ao longo da história, tanto reais quanto fictícios.

A instalação está na exposição Alcova na Semana de Design de Milão

A instalação está na exposição Alcova na Semana de Design de Milão (Reprodução/dezeen)

Na Semana de Design de Milão, a instalação está abrigada dentro da exposição Alcova, que a cada ano toma diferentes edifícios abandonados em toda a cidade.

*Via Dezeen

Veja também
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.