Casa Botânica em Cingapura tem jardim de tirar o fôlego

A residência assinada por Guz Architects é rodeada por piscinas e espelhos d’água

Por Redação Atualizado em 17 fev 2020, 15h59 - Publicado em 23 jul 2019, 13h15
Divulgação/Casa.com.br

Debruçada sobre os Jardins Botânicos de Cingapura (que é patrimônio da UNESCO), a w, desenhada por Guz Architects, parece flutuar sobre a mata graças a estruturas em consola – criando uma perfeita integração entre exterior e interior.

Divulgação/Casa.com.br

A planta conta com dois pavimentos e um subsolo. No primeiro, estão as áreas sociais, como cozinha, living e sala de jantar. O exterior marca presença nestes espaços internos através de amplos painéis envidraçados, que podem ser totalmente abertos para o belo jardim. O segundo pavimento, com os quartos, suítes e salas de banho, fica mais resguardado. Mas as janelas amplas e as sacadas todas dão vista para o jardim.

Divulgação/Casa.com.br
Continua após a publicidade

A combinação da madeira, água (há piscinas e espelhos d’água por todo o comprimento do terreno) e da vegetação verdejante garantem a atmosfera tropical do projeto. Concreto e aço também compõem os materiais usados para levantar a residência. Nos telhados, o alumínio serve de estrutura para os painéis fotovoltaicos.

Divulgação/Casa.com.br

O destaque de tirar o fôlego fica por conta da queda d’água que aparece no primeiro andar e é acompanhada pela piscina – que faz curva, inclusive, em torno de uma escultural escada em caracol.

Confira mais fotos do projeto na galeria abaixo:

Continua após a publicidade

Publicidade