Flat serve como estúdio dança graças à mobília multifuncional

A Intervention Architecture assina a reforma do estúdio que fica em Barbican Estate, em Londres, e pertence a um bailarino profissional

Por Redação Atualizado em 17 fev 2021, 23h22 - Publicado em 19 fev 2021, 06h00
Gif com homem abaixando o colchão de móvel de madeira clara na parede e montando uma cama apoiada em estante à frente. Depois, ele fecha a cama e coloca almofadas nos suportes, formando dois sofás.
Reprodução Handover/Dezeen/Casa.com.br

O Barbican Estate é um grande complexo residencial com mais de 2 mil moradias em Londres. Ele é conhecido por ficar em uma região cheia de pontos culturais, sobretudo de artes performáticas, como teatro e dança. Para o flat de um bailarino profissional em Barbican, a Intervention Architecture instalou móveis que também se movem, podendo transformar o espaço.

Homem sentado lendo em banco com almofadas azuis. O suporte do banco vem do móvel de madeira na parede
Reprodução Handover/Dezeen/Casa.com.br

Com pouca área disponível, o desafio era criar ambientes para comer e dormir, mas também dar ao morador o espaço de que precisava para praticar a sua coreografia. O estúdio britânico fez isso desenvolvendo uma peça multifuncional de mobília de compensado que pode assumir várias configurações.

Flat com piso em madeira e grande janela. Homem abaixa colchão de móvel de madeira clara na parede.
Reprodução Handover/Dezeen/Casa.com.br

Elementos móveis e dobráveis ​​integram assentos, prateleiras, armários e uma cama. “Injetamos movimento dentro do espaço com uma solução de marcenaria mutável para maximizar o armazenamento e criar usos e zonas alternativos em uma área compacta”, explicou a diretora do estúdio Anna Parker.

Gif com desenho que ilustra todas as configurações
Reprodução Handover/Dezeen/Casa.com.br
Continua após a publicidade

“Por ser um jovem dançarino, a energia e o dinamismo do cliente eram algo que realmente queríamos capturar na ergonomia do design no espaço do estúdio Barbican, para maximizar o layout compacto e trazê-lo à vida”, disse ela ao Dezeen. O mobiliário compacto é composto por vários módulos. As peças principais são um armário que vai até o teto e que integra a cama dobrável, e a estante tipo biblioteca.

Cama de casal que sai do móvel na parede. Com o colchão abaixado, ela fica emoldurada por armários e prateleiras
Reprodução Handover/Dezeen/Casa.com.br

Ambas as peças são utilizadas para compor o banco, que é revelado quando a cama é dobrada contra a parede. Uma mesa plana também pode ser encaixada, apoiada em pernas removíveis.

Para abrir espaço para dançar, a estante e a cadeira em estilo de biblioteca podem ser simplesmente movidas para uma parte diferente da sala. Outras configurações também são possíveis – a ideia é que o espaço seja o mais flexível possível.

Cozinha com armários e eletrodomésticos brancos. Pequeno balcão vermelho no canto inferior direito.
Reprodução Handover/Dezeen/Casa.com.br

Os apartamentos no brutalista Barbican Estate são muito procurados, graças à sua estética de design única e localização no leste de Londres. A reforma da Intervention Architecture foi projetada para celebrar o patrimônio arquitetônico do edifício. Tons de azul e rosa foram escolhidos para complementar e equilibrar o concreto bruto e madeira exposta.

Continua após a publicidade

Publicidade