5 maneiras que a sua casa piora as suas alergias respiratórias

Preste atenção nestes pontos e saiba como melhorar a qualidade do ar de casa e quais os focos de atenção

Por Marcela De Mingo 22 Maio 2018, 10h39

Manter a casa limpa pode ser um desafio e tanto, mas isso é importante não só para ter um ambiente confortável, mas também por uma questão de saúde. O que acontece é que, muitas vezes, a sua casa pode ser uma vilã se você tem alergias respiratórias – entenda rinite e sinusite.

Mas como funciona? Simples, é muito comum algumas partes da casa acumularem pó e sujeira com o tempo e isso pode afetar a qualidade do ar dentro da sua casa – e você já sabe que existem maneiras diferentes de melhorar o ar interno, certo? Por isso, fique atento a esses errinhos comuns que colaboram – e até pioram – essas alergias. 

1.Você não troca filtro do ar condicionado

No cenário ideal, os filtros de ar devem ser trocados uma vez a cada três meses, mas se você tem bichinhos de estimação, o melhor a fazer é aumentar essa frequência (entre 20 e 45 dias, no máximo).

2.Você não tira o pó com frequência

O maior erro para quem tem problemas respiratórios. Nós entendemos que a tarefa pode ser sofrível, porque mexer com pó significa que ele vai subir no ar e você vai, consequentemente, ter uma crise alérgica. Mas pular essa tarefa é ainda pior, porque aumenta a quantidade de alergênicos no ar ambiente, o que pode resultar em problemas mais sérios no futuro. Uma dica é usar uma máscara de proteção ou contratar um profissional que possa fazer esse serviço para você.

Continua após a publicidade

3.Aspira o carpete, mas não o estofamento

Passe o aspirador de pó depois de tirar o pó totalmente, e não esqueça os espaços entre móveis e os carpetes, além do estofamento de sofás e poltronas. Ácaros amam morar no estofamento, Por isso, não negligencie essa parte da casa.

4.Você não lava a roupa de cama em água quente o suficiente

Se você sofre com esses tipos de alergias, então lavar a roupa de cama precisa ser algo frequente para você. Porém não para por aí. Para matar ácaros e realmente limpar os lençóis a ponto de não colaborarem para as suas alergias, é preciso que a água esteja realmente quente, pelo menos 50º. No caso de tecidos que não aguentem altas temperaturas, você pode buscar produtos anti-alergênicos para ajudar na lavagem.

5.Você usa sapatos em casa

Esse é um ponto polêmico, mas o principal é: os sapatos carregam sujeira, poeira e pólen para dentro de casa, e esses conteúdos podem deixar o seu ambiente ainda mais propenso a alergias. Ou seja, se você já tem uma tendência a problemas respiratórios, então pode ser interessante deixar os sapatos na entrada, e não sair andando com eles por aí.

Divulgação/CASA CLAUDIA
Continua após a publicidade

Publicidade