Portugueses lançam plataforma Kazzify, a “Uber das casas”

Depois de delivery de casas na Rappi, vem aí a startup que promete funcionar como uma Uber para compra de imóveis

Por Yara Guerra Atualizado em 17 fev 2020, 16h04 - Publicado em 7 jun 2019, 15h03
Divulgação/Casa.com.br

Com a ambição de se tornar referência no setor imobiliário e humildade de não querer ameaçar sistemas já existentes, a Kazzify foi recentemente lançada em Portugal.

Assim como a parceria entre Rappi e Housi que viabiliza o aluguel de imóveis (leia matéria completa aqui), a Kazzify busca ser uma alternativa aos modelos tradicionais de compra de casas, simplificando ao máximo o processo de intermediação.

Vasco Pereira Coutinho, Diogo Pereira Coutinho e João Quintanilha (promotores e investidores da Kazzify), e Marta Gonçalves, líder do projeto. Divulgação/Casa.com.br

A ideia surgiu depois que os fundadores perceberam o sucesso do modelo lá fora e decidiram desenvolvê-lo em Portugal, aproveitando a boa temporada que o setor imobiliário atravessa.

“Todas as transações são feitas online. É uma plataforma que quer implementar no imobiliário o mesmo tipo de inovação que já foi aplicado a setores como a banca ou os transportes, retirando fases da intermediação“, explica Vasco Pereira Coutinho, um dos fundadores da startup.

Continua após a publicidade

Divulgação/Casa.com.br

O aplicativo oferece inúmeros serviços, como fotografias profissionais do imóvel (para evitar visitas físicas desnecessárias), plantas em 3D, acesso ao perfil do potencial comprador e apoio na gestão do processo de venda.

Outra facilidade que o app traz, ainda, é a comissão fixa de 1.999€ (euros), já com IVA incluído, que só é paga se a casa for mesmo vendida. “Numa imobiliária a comissão típica é de 4% ou 5%”, destaca Coutinho.

Confira o vídeo de divulgação da iniciativa:

Continua após a publicidade

Publicidade