Casa Created with Sketch.

Minecraft une 200 pessoas em construção de super ilha da Starbucks

O encontro virtual, facilitado por plataformas de vídeo livestreaming, transformou uma região virtual inteira em uma Starbucks gigante!

 (Divulgação/Casa.com.br)

Com 176 milhões de cópias vendidas no mundo, o Minecraft é o game mais comercializado de todos os tempos. Caso você não faça ideia do que estou falando, eu te explico!

Lançado em 2011, o jogo consiste na construção com blocos coloridos (ou texturizados, se preferir), a fim de criar um mundo inteiro em 3D. E a novidade é que, graças a plataformas de livestreaming, novas formas de jogos comunitários estão surgindo.

Foi assim que o usuário Daniel RTgame Condren uniu 200 de seus visualizadores em um só ambiente para transformar a região inteira em uma Starbucks gigante.

 (Divulgação/Casa.com.br)

“Eu queria envolver mais meus espectadores”, explicou Condren. “Eu via esses grandes streamers jogando sozinhos e nem mesmo tentando interagir com o bate-papo deles. Sempre pareceu um desperdício de potencial – você tem milhares de pessoas aqui animadas para ver você, mas elas podem muito bem estar assistindo a um vídeo pré-gravado. Por isso, quis apresentar algo mais envolvente, que os meus visitantes pudessem participar”, conta o usuário.

 (Divulgação/Casa.com.br)

O mais interessante, além da estrutura incrível, foi a maneira como as pessoas colaboraram sem falar umas com as outras.

Condren diz que ele tem moderadores que o ajudam a ter certeza de que as pessoas estão seguindo o tema, mas isso não garante que o processo não seja um pouco confuso.

De uma forma ou de outra, uma coisa é certa: a construção da ilha Starbucks foi um baita trabalho em equipe! Confira no vídeo abaixo um resumo da colaboração virtual:

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.