Lua: o dispositivo inteligente que transforma plantas em tamagotchis

Com sensores que medem as condições vividas pela planta, o dispositivo expõe na tela emoções que indicam suas necessidades

Por Yara Guerra Atualizado em 17 fev 2020, 15h59 - Publicado em 17 jul 2019, 14h03

A gente sabe que, para pais de plantas de primeira viagem, é difícil interpretar suas necessidades: o quanto de luz que ela deve receber? É melhor deixá-la em um lugar mais quente ou de temperatura mais amena? Qual o nível de água indicado para abastecê-la?

Podem ser diversas as dúvidas e foi pensando nelas que a equipe do Mu Design projetou o dispositivo Lua. Carregado de sensores que desencadeiam 15 diferentes emoções, ele mede desde a umidade do solo à temperatura, e também a exposição à luz. Sim, funciona como um tamagotchi!

Divulgação/Casa.com.br

Para começar, você precisa baixar o app gratuito e deixar o seu plantador escanear o QR code. Depois, é só selecionar a sua planta para que o sistema saiba quais as condições necessárias para mantê-la viva.

Se seu pet verde estiver recebendo muita luz, o rosto no vaso se torna estrábico. Se estiver recebendo pouca água, por sua vez, uma face doente aparece. Há também um rosto de vampiro se a planta precisar de um pouco mais de luz solar e um rosto feliz se as condições forem perfeitas, entre outros.

Cada uma das emoções é exibida por meio de uma tela LCD ips de 6 cm localizada na frente do plantador inteligente.

Continua após a publicidade

Divulgação/Casa.com.br

Lua ainda tem um sensor que permite acompanhar o movimento com seus olhos. De acordo com a equipe de design do MU, se os objetivos de desenvolvimento forem atingidos, eles também programarão um rosto mal-humorado para mostrar se está chovendo do lado de fora.

O dispositivo ainda não está disponível para compra, mas você pode financiar seu desenvolvimento através de uma campanha Indiegogo. A data-alvo da campanha é dezembro deste ano.

Confira no vídeo abaixo como o Lua funciona:

Continua após a publicidade

Publicidade