Casa Created with Sketch.

Saiba como descartar corretamente os mais diversos resíduos

Além de evitar a aplicação de multas, a coleta adequada evita danos ao meio ambiente

 (Divulgação/Casa.com.br)

É verdade que lidar com o lixo e os resíduos, às vezes, pode ser uma grande dor de cabeça. Seja após uma reforma ou mesmo uma mudança, sempre sobram materiais que as pessoas só querem que, magicamente, desapareça. É importante, no entanto, tomar cuidado: afinal, certos itens devem ser descartados corretamente para evitar problemas ambientais e até mesmo multas.  

Separamos algumas dicas de descarte para você que deseja se desfazer destes resíduos sem nenhum peso na consciência. Confira abaixo!

Entulho de obra 

 (Divulgação/Casa.com.br)

Uma das possibilidades de descarte é junto com a coleta domiciliar. No entanto, é preciso ter cuidado. De acordo com a Prefeitura de São Paulo, é proibido o depósito de entulho, terra e resíduos de qualquer natureza, em volume superior a 50 quilos, em vias, passeios, canteiros, jardins, áreas e logradouros públicos.  Exceder esse limite gera multa.

O valor da infração pode chegar a mais de R$ 15 mil, podendo o valor dobrar em caso de reincidência. Também há empresas privadas que realizam a coleta. Um dos exemplos é a startup Biothanks, que desenvolveu um aplicativo para conectar coletores e pessoas que têm algum material para descartar. Popularmente conhecido como “Uber dos resíduos”, o app permite aos usuários chamar transportadores (motorizados ou não) para recolher resíduos com potencial para reciclagem ou reaproveitamento.

Para usar o aplicativo, o usuário informa o endereço e escolhe o que deve ser recolhido, escolhe também o tamanho do carro, efetua o pagamento online e aguarda a localização do veículo, que acontece em até 15 minutos, depois é só esperar a sua chegada ao local de coleta. 

Móveis 

 (Divulgação/Casa.com.br)

Em São Paulo, além da própria Biothanks, que tem neste segmento um de seus maiores nichos de mercado, é possível fazer o descarte por meio do Cata-Bagulho. A iniciativa tem como objetivo evitar que móveis, eletrodomésticos quebrados, pedaços de madeira e metais sejam depositados em vias públicas, córregos e terrenos baldios – pois, além de prejudicar a conservação do espaço público, o descarte irregular é considerado crime ambiental, sujeito a multa de R$ 18 mil em caso de flagrante.

Para usar o serviço, os interessados devem consultar os dias e horários de retiradas no site da Prefeitura.O órgão pede que os moradores coloquem os objetos em suas calçadas com uma hora de antecedência. Além disso, há a possibilidade de recorrer aos Ecopontos da cidade. No entanto, para quem não tem tempo de esperar a coleta e não consegue levar os materiais aos Ecopontos, é possível contratar empresas privadas que fazem esse trabalho.  

Eletrônicos 

 (Divulgação/Casa.com.br)

Algumas companhias de tecnologia já oferecem o serviço de descarte de lixo eletrônico. Algumas marcas associadas à Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) criaram a Green Eletron, empresa responsável por coletar o lixo eletrônico.

Há a alternativa também de recorrer à Secretaria do Meio ambiente do Estado ou município e pedir uma lista dos pontos de coleta de lixo eletrônico certificados pelos órgãos ambientais locais.  

Óleo de cozinha  

 (Divulgação/Casa.com.br)

Muitas pessoas jogam o óleo de cozinha na pia ou no bueiro. Mas essa medida não é recomendada, pois, além de causar danos ambientais, pode prejudicar o encanamento.

O correto é armazenar o óleo velho e entregá-lo a ONGs e postos de coleta. Na Grande São Paulo, o Instituto Triângulo, com sede em Santo André, realiza este trabalho. 

Objetos cortantes 

 (Divulgação/Casa.com.br)

Estes materiais merecem cuidado especial, principalmente porque podem machucar as pessoas. Para quem pretende descartar cacos de vidro, garrafas ou mesmo copos quebrados, se eles forem pequenos, é possível colocá-los em uma garrafa PET.

Caso os vidros sejam grandes, é recomendado embalá-los com papelão e fita crepe. Mas, lembre-se: é necessário escrever na embalagem que contém vidro para alertar aqueles que manusearem os pacotes.  

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s