Museum of Me: experiência imersiva e tecnológica invade o CCBB SP

A partir de 26 de abril, o CCBB apresenta uma instalação audiovisual com imagens compartilhadas de usuários nas redes sociais

Por Alex Alcantara Atualizado em 17 fev 2020, 16h09 - Publicado em 18 abr 2019, 11h28
Divulgação/Casa.com.br

Já pensou em mergulhar em um quarto escuro, repleto de displays exibindo tudo o que você compartilha nas redes sociais, dando um panorama de toda a sua vida virtual? O escritório de tecnologia Cactus já!

A partir do dia 26 de abril, o Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo (CCBB SP) apresenta a Museum of Me – Um mergulho em sua alma digital, uma instalação que cria uma jornada audiovisual de um minuto a partir das imagens compartilhadas pelo usuário em suas redes sociais. O visitante entra em uma sala inicialmente escura e silenciosa (pode estar acompanhado com até três pessoas). Primeiro, percebe um som, depois, uma imagem e outras luzes em sua visão periférica. Progressivamente, os monitores são despertados em uma explosão exuberante de cores e sons.

Divulgação/Casa.com.br

Os padrões e as fotos se combinam para fazer uma colagem caleidoscópica abstrata. Então, surgem palavras: hashtags e legendas que correspondem às fotografias compartilhadas – grandes, pequenas, de cabeça para baixo e de lado. Quando acaba e todas as telas se apagam, deixam apenas o som de uma respiração rápida e ansiosa, com a sensação de que poderia ter sido um sonho.

“Museum of Me usa inteligência artificial para interpretar a vida digital do visitante e para estimular sensações por meio de um sofisticado sistema de som dinâmico, que permite sutis variações de acordo com o resultado das análises das fotos da pessoa”, comenta Felipe Reif, sócio da Cactus, estúdio colaborativo criador da exposição.

Divulgação/Casa.com.br

O estúdio CACTUS já criou outras experiências artístico-tecnológicas imersivas exibidas em Nova York, Hong Kong e nos Jogos Olímpicos. O projeto tem patrocínio da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, por meio do Programa Municipal de Apoio a Projetos Culturais, e da Administração Predial SA (APSA), além de apoio da Benetton Perfumes.

Continua após a publicidade

Publicidade