Casa Created with Sketch.

Como cuidar das flores no inverno

Período exige cuidado para que as plantas não sofram consequências do frio

 (Gulley Greenhouse/Reprodução)

O inverno é a época mais fria do ano. E assim como nossa pele, as flores também necessitam de cuidados especiais neste período. Como o Brasil é muito grande, as regiões apresentam diferentes invernos. Em especial, nas cidades que ocorrem ventos e temperaturas baixas, é fundamental proteger as plantas.

 (Sanna Lun/Unsplash)

Já que a umidade aumenta com o frio, as plantas acabam retendo mais água durante o inverno, por isso, é importante alterar as rotinas de rega. Se você costuma molhá-las todos os dias, diminua para 3 vezes por semana.

 (Jason Leung/Unsplash)

A florista parceira da Flores Online, Juana Martinez, também explica que com a temperatura muito gelada e a alta incidência de vento, o sol surge como alternativa de aquecimento para o ambiente e, consequentemente, para as plantas.

 (Jane Duursma/Cupcakes and Cashmere/Unsplash)

“Deixe em local privilegiado, em que haja maior incidência de luz solar. Mesmo as plantas que não gostam do contato direto com o sol precisam de uma dose extra de luz e calor durante esta estação”, ressalta.

Veja também

Para evitar pragas e doenças, é importante apenas regar o solo e não as plantas. Preferencialmente, realize essa ação pela manhã, pois a rega pela tarde e pela noite deixa o solo muito úmido, favorecendo o aparecimento de pragas.

 (Severin Candrian/Unsplash)

Neste momento, invista na compra de plantas como antúrio, cerejeiras, bromélias, samambaia, lírio da paz, espada de São Jorge, palmeira ráfia, cactos e suculentas, que são mais indicadas para as estações mais frias.

 (Severin Candrian/Unsplash)

“Não esqueça também de investir em adubos próprios, que auxiliam no desenvolvimento das espécies e reduzem as consequências da estação”, conclui Juana.

Veja também
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.