Casa Created with Sketch.

Um hotel tão lindo que dá vontade de morar nele

O projeto renovou uma construção do centro histórico de São Petersburgo, na Rússia, e deu um ar aconchegante ao lugar

 

 (Foto de Anton Ivanov. Estilo de Anna Koroleva/Yatzer/Casa.com.br)

Localizado no centro histórico de São Petersburgo, Rússia, Sands Rooms é um novo projeto de hotel do estúdio NOMESSPROCESS que celebra o patrimônio arquitetônico da virada do século da cidade. 

Composto por sete apartamentos, o hotel está situado em um grande edifício antigo da década de 1910, cujo esplendor original foi apagado por um século de habitação. A meticulosa renovação do estúdio reviveu a antiga glória do edifício em toda a sua elegância decorativa, principalmente sem impor um ambiente abafado de museu para criar um hotel moderno sem muito esforço, graças aos toques de cores vibrantes e uma coleção eclética de arte e design que mescla peças antigas, de meados do século e contemporâneas.

 (Foto de Anton Ivanov. Estilo de Anna Koroleva/Yatzer/Casa.com.br)

Apoiando a abordagem de renovação da equipe estava o desejo de revelar o caráter original do edifício, que foi obscurecido por várias camadas de tinta, gesso e papel de parede, ou foi danificado por intervenções subsequentes e uso indevido. As janelas de madeira foram devolvidas à sua cor natural anterior, o piso de parquet de carvalho foi lixado e envernizado, as molduras de estuque ornamentadas foram cuidadosamente restauradas, revelando uma infinidade de detalhes ocultos por décadas, e as aberturas de latão, parte do sistema de ventilação comunal do edifício que tinha foram rebocados, foram trazidos de volta à vida e jateados à sua textura original.

 (Foto de Anton Ivanov. Estilo de Anna Koroleva/Yatzer/Casa.com.br)

Embora a restauração do mobiliário original fosse o objetivo final, um exemplo sendo consertar os ladrilhos quebrados de um fogão antigo, nos casos em que os elementos estavam além do reparo ou faltando, as substituições eram vasculhadas em mercados de pulgas e antiquários. As adições contemporâneas com uma estética minimalista, como lavatórios e torneiras de latão, longe de entrarem em conflito com os interiores restaurados aumentam a sua elegância.

 (Foto de Anton Ivanov. Estilo de Anna Koroleva/Yatzer/Casa.com.br)

O colorido em todo o hotel enriquece uma paleta de cores discretas de branco, cinza e madeira natural, além de diferenciar os apartamentos. Cortinas, estofados, azulejos e até sessões de parede estão repletos de cores como vermelho ardente, azul-petróleo calmante e azul escuro taciturno que dão a cada quarto uma vibração diferente.

 (Foto de Anton Ivanov. Estilo de Anna Koroleva/Yatzer/Casa.com.br)

O que torna cada apartamento verdadeiramente único, porém, é a maneira eclética com que são mobiliados; em vez de começar do zero, a equipe reaproveitou peças antigas como canapés, aparadores e até livros que haviam sido abandonados pelos proprietários anteriores. Os itens foram mesclados com uma seleção eclética de peças antigas, de meados do século e vintage. O resultado é que nenhum apartamento se parece, mas, tão importante quanto, a renovação cuidadosa da equipe imbuiu o hotel com uma autenticidade e caráter que presta um tributo glorioso ao passado histórico do edifício.

 

Veja todas as fotos do hotel na galeria abaixo.

 

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.