Continua após publicidade

Granilite: um trend vintage que está de volta

Sustentável, resistente e durável, o material atende a qualquer ambiente e traz cor e um toque orgânico ao projeto

Por Redação
19 ago 2022, 19h00
Granilite
(Divulgação/Casa.com.br)

Desde que se originou em Veneza, na Itália, o granilite tem sido usado como material para pisos e revestimentos há séculos. Por ser durável e fácil de limpar, é uma escolha acertada para qualquer que seja o ambiente – desde salas de estar até banheiros.

Até hoje, o material é utilizado nos mais diversos projetos residenciais. Confira abaixo mais sobre o granilite, como ele pode ser utilizado na decoração e algumas inspirações para a sua próxima reforma:

Granilite – o que é?

granilite
(Divulgação/Casa.com.br)

O granilite, também chamado de terrazzo, é um material compósito – ou seja, heterogêneo – feito pela mistura de lascas de mármore, granito, quartzo ou vidro com um aglutinante, como cimento ou resina.

Continua após a publicidade

Bruta, a mistura pode ser aplicada tanto em pisos quanto em paredes antes de ser polida. Suas peças de pedra salientes criam uma superfície irregularmente salpicada que adiciona uma sensação divertida e orgânica aos interiores.

Granilite em cozinha
(Decor Fácil/Reprodução)

De origem italiana, ele tem um toque sustentável, pois foi desenvolvido como uma maneira de aproveitar as sobras de pedra. A ideia era que os trabalhadores da construção civil italiana reutilizassem o que sobrava do trabalho para a construção da própria casa.

Ao método eles deram o nome de “terrazzo”, que significa “terraço”, em italiano, já que consistia basicamente em colocar sobras de mármore lado a lado com uma base de argamassa de barro para construir terraços baratos em suas residências.

Continua após a publicidade
granilite
(Divulgação/Casa.com.br)

A indústria de terrazzo evoluiu ao longo dos séculos e se tornou muito mais fácil criá-lo ao final da década de 1920, com a invenção de esmerilhadeiras elétricas e outras ferramentas elétricas.

Finalmente, as décadas de 1960 e 1970 trouxeram o granilite à base de epóxi para a cena. Este método moderno forneceu mais variedade de cores, uma espessura diferente e uma instalação mais rápida em comparação com o tradicional terrazzo à base de cimento.

Continua após a publicidade

Além de sua origem, o terrazzo apresenta outro fator eco-friendly: superfícies feitas com o material podem durar de 75 a 100 anos. Embora a instalação personalizada geralmente custe mais por metro quadrado do que outros materiais de piso – devido ao custo adicional do trabalho intensivo –, ele pode ser um ótimo investimento a longo prazo.

Granilite usado como backsplash
(Tile Club/Reprodução)

Com uma crescente popularidade nos últimos anos, o granilite passou a se adequar ao estilo de qualquer projeto de décor. As suas possibilidades são inúmeras: ele pode aparecer em superfícies (como tampo de mesas), azulejos, pisos, paredes e objetos decorativos (como vasos, por exemplo).

Por ser resistente e fácil de limpar, o material é adequado, inclusive, para áreas de uso intenso, como cozinhas e banheiros. Mas também pode ser utilizado em áreas como sala de estar, sala de jantar, quartos e varanda.

Continua após a publicidade

Uma de suas principais vantagens é que o material tem um caráter de exclusividade, já que as suas cores e design dependerão diretamente do que foi escolhido para a mistura.

Mais do que um tipo de piso

Granilite
(Alain Brugier/Casa.com.br)

O granilite foi desenvolvido como um material de piso, mas voltou mais forte do que nunca e agora é possível vê-lo em outras superfícies, como paredes e bancadas! Os backsplashes da cozinha e varandas gourmets, por exemplo, são uma grande tendência no momento.

O granilite também possui resistência e durabilidade semelhantes às bancadas de quartzo, com possibilidades ainda maiores de personalização e cores, tornando-se um ótimo investimento de bancada para residências.

Continua após a publicidade

Além disso, pode ser utilizado também no banheiro, seja como azulejos ou simplesmente como bancada de pia. Nos quartos, o material pode surgir como tampo de mesa de cabeceira ou mesmo como inspiração de design para papel de parede.

Tendência

Granilite usado no piso do banheiro
(Tile Club/Reprodução)

Apesar de existir há tempos, o padrão salpicado teve um grande ressurgimento nos últimos anos, desta vez com um toque moderno. Ele está de volta e melhor do que nunca – não apenas usado como material de construção para pisos, mas também como um estilo de design impresso em tudo.

De roupas e acessórios a móveis e detalhes de decoração, produtos inspirados em granilite se tornaram o design mais quente em quase todas as áreas.

Curtiu saber mais sobre a origem e as aplicações do granilite? Confira agora muitos projetos que utilizam o material e se inspire para a sua próxima reforma:

*Via Dezeen e Tile Club

Publicidade