Casa Created with Sketch.

12 ideias para renovar o ambiente com tinta

Com técnicas de DIY e a escolha ideal da cor, a casa pode ganhar uma nova cara

Durante a quarentena, o termo “pintar a parede” teve um crescimento significativo de buscas, segundo dados do Google Trends. Passar mais tempo dentro de casa trouxe para muitas pessoas a vontade de mudar e repaginar os cantinhos e, assim, trazer novos ares para os ambientes.

As cores têm mesmo o poder de mudar completamente um ambiente em poucos passos. Esse é um dos motivos que faz a Coral ser a tinta oficial do projeto Janelas CASACOR.

A marca é companheira de longa data da maior mostra de arquitetura, decoração e paisagismo das Américas. Em um momento que a mudança e as novas formas de morar estão em pauta, a Coral se mostra uma grande revolucionária da decoração, com simplesmente algumas pinceladas.

Em 2021, a marca aposta em Pedra Esculpida como sua cor do ano, pois além de estimulante, o tom remete à natureza e às coisas mais simples. Em um momento de reconexão com o interior, como o que estamos vivendo, ele é ideal, pois pode ser usado como base nas paredes da casa, trazendo calma e, ainda assim, permite que outras cores também se destaquem.

Fizemos abaixo uma seleção de 12 ambientes do Janelas CASACOR que apostaram na cor como elemento principal do projeto. A maioria deles pode render um belo projeto de faça você mesmo. É uma ótima oportunidade para reunir toda a família na empreitada e dar um up na decoração da casa. Confira!

 

1. Cores suaves que remetem aos tons de pele

O escritório Zardo Arquitetura utilizou cores que fazem referência à diversidade de tons de pele no Janelas CASACOR Brasília.

O escritório Zardo Arquitetura utilizou cores que fazem referência à diversidade de tons de pele no Janelas CASACOR Brasília. (Edgard Cesar/CASACOR)

As paredes e os biombos são o grande destaque do projeto. Aqui, a cor deu o tom no ambiente através de formas e nuances que se encaixam harmoniosamente. Seis cores da Coral foram usadas no projeto e distribuídas em um patchwork. A gradação de tons entre parede e biombo é suave e nada agressiva ao olhar. O projeto Caradecasa utilizou as coresCalcário, Cultura Grega, Templo de Oração e Estrada de Tijolos.

 

2. Mistura de tons vibrantes ativam a memória afetiva

A Sala da Memória, projetada pelas arquitetas Carolina Campos e Maria Magalhães no Janelas CASACOR Minas Gerais resgata a afetividade no inconsciente através de cores.

A Sala da Memória, projetada pelas arquitetas Carolina Campos e Maria Magalhães no Janelas CASACOR Minas Gerais resgata a afetividade no inconsciente através de cores. (Jomar Bragança/CASACOR)

Carolina Campos e Maria Magalhães buscaram tonalidades que contassem histórias e trouxessem lembranças e alegrias. As tintas utilizadas na Sala da Memória foram Pudim de Uva e Ouro Monarca. Os tons foram aplicados em paredes inteiras que se sobrepõe e conferem um visual interessante.

 

3. Efeito aveludado confere aconchego

A tonalidade combina com as texturas do ambiente e traz conforto visual para o visitante no Refúgio Familiar, projetado por Igor Zanon.

A tonalidade combina com as texturas do ambiente e traz conforto visual para o visitante no Refúgio Familiar, projetado por Igor Zanon. (Jomar Bragança/CASACOR)

Materiais naturais nortearam a escolha do arquiteto Igor Zanon no Refúgio Familiar, no Janelas CASACOR Minas Gerais. O arquiteto pensou no conceito de ninho para projetar o espaço, e apostou no tom Pedra Esculpida – eleita a cor do ano de 2021, pela Coral – para tornar o canto de estudos ainda mais confortável. Na aplicação, o efeito Velvet foi utilizado para conferir as nuances de brilho no tom.

 

4. Cores delimitam espaços neste home office

No Home Office do Janelas CASACOR Minas Gerais, idealizado por Carol Horta, a parede escura é um dos grandes destaques do projeto.

No Home Office do Janelas CASACOR Minas Gerais, idealizado por Carol Horta, a parede escura é um dos grandes destaques do projeto. (Jomar Bragança/CASACOR)

Ter que adaptar um home office dentro de casa foi um grande desafio para muitas pessoas em 2020. Pensando na dificuldade de encontrar o equilíbrio entre trabalho e descompressão, a arquiteta Carol Horta apostou nas cores para delimitar espaços. No Home Office, em Janelas CASACOR Minas Gerais, a profissional utilizou a cor Infinito, um verde escuro que estimula a reflexão e a produção. No outro lado, estão as paredes com a tinta Banco de Neve, possibilitando um espaço de relaxamento.

 

5. Tons vibrantes na cozinha

A Cozinha com Afeto, no Janelas CASACOR Paraná, é um espaço sensorial e tem a cozinha como protagonista da casa.

A Cozinha com Afeto, no Janelas CASACOR Paraná, é um espaço sensorial e tem a cozinha como protagonista da casa. (Emanoel Caldeira/CASACOR)

O projeto da arquiteta Mariana Paula Souza tem a cozinha como principal ambiente da casa, e aposta nas cores para conferir o aconchego. A escolha da tinta Paçoca Doce, aplicada com o Efeito Especial Marmorizado, foi para buscar uma imagem ensolarada, enquadrando perfeitamente os moradores que se sentam à mesa.

 

6. Tom terracota envelopa espaço gourmet

Na Estação Gourmet, do Janelas CASACOR Ribeirão Preto, a cor aguça ainda mais as sensações.

Na Estação Gourmet, do Janelas CASACOR Ribeirão Preto, a cor aguça ainda mais as sensações. (Felipe Araújo/CASACOR)

Na Estação Gourmet, projetada por pelo escritório Manarelli Guimarães Arquitetura, o tom terracota envelopa as estruturas e traz uma sensação de aconchego. A cor escolhida pelos arquitetos é a Extremo Sul e foi aplicada com o Efeito Especial Velvet. Os revestimentos off-white e a escolha de plantas com muito verde confere um ambiente agradável visualmente para os visitantes.

 

7. Seis tonalidades de uma única cor

Seis tonalidades de verde foram usadas do projeto do Janelas CASACOR Balneário Camboriú, criando um degradê surpreendente.

Seis tonalidades de verde foram usadas do projeto do Janelas CASACOR Balneário Camboriú, criando um degradê surpreendente. (Lio Simas/CASACOR)

O The Ring Light Room, projetado pelo escritório Thayane Santana Arquitetura, no Janelas CASACOR Balneário Camboriú, aposta em seis tonalidades diferentes de uma única cor e traz um efeito visual incrível. As cores utilizadas foram: Verde Radiante, Água com Limão, Amanhecer com Neblina, Espuma Cítrica, Aquário Verde e Pedra italiana. Faixas de cores foram utilizadas nas paredes, tetos e degraus para conferir o degradê desejado.

 

8. Referências urbanas através da cor

O Janelas do Bem Viver, no Janelas CASACOR Bahia, do escritório GAM Arquitetos traz referências urbanas através da cor.

O Janelas do Bem Viver, no Janelas CASACOR Bahia, do escritório GAM Arquitetos traz referências urbanas através da cor. (Gabriela Daltro/CASACOR)

O apartamento de 25 m², totalmente integrado, utilizou a cor Tubarão Branco, com o Efeito Velvet para combinar os tons com as texturas. O uso de tonalidades mais claras permite um destaque maior ainda para a madeira, utilizada nos móveis e no chão.

 

9. Cimento queimado nunca sai de moda!

O Quarto de Estudo Online, do Janelas CASACOR Pernambuco, assinado por Lenira Melo em parceria com os alunos de arquitetura da Uninassau, aposta no cimento queimado.

O Quarto de Estudo Online, do Janelas CASACOR Pernambuco, assinado por Lenira Melo em parceria com os alunos de arquitetura da Uninassau, aposta no cimento queimado. (PH Nunes/CASACOR)

O Quarto de Estudos Online aposta em dois estilos que vieram pra ficar: cimento queimado e letreiro neon. O uso do produto Coral Decora Efeito Especial Cimento Queimado, na cor Granito Molhado, é um dos grandes destaques do ambiente, que traz um ar moderno e jovial.

 

10. Formas geométricas criadas com tinta

No projeto Relaxar, Reconectar, Recarregar, do Janelas CASACOR Ribeirão Preto, uma tendência foi explorada: o uso de formas geométricas criadas com tinta.

No projeto Relaxar, Reconectar, Recarregar, do Janelas CASACOR Ribeirão Preto, uma tendência foi explorada: o uso de formas geométricas criadas com tinta. (Felipe Araújo/CASACOR)

As arquitetas Juliana Affini e Patrícia Makhoul utilizaram as cores Pedra Esculpida, Branco Natural, Vermelho Blefe, Presente Romântico, Bronze Tibetano e Luxo Moderno. Os tons foram usados nas paredes e teto. O efeito das paredes, com formas geométricas, foi criado por artistas da Lúdico Arte.

 

11. Tons pastel e terracota se misturam no hall

Os elementos remetem à limpeza e à água, pensando principalmente no bem-estar sanitário.

Os elementos remetem à limpeza e à água, pensando principalmente no bem-estar sanitário. (Salvador Cordaro/CASACOR)

No Espaço Sagrado, projetado por Claudia Alionis no Janelas CASACOR São Paulo, o hall foi ressignificado, pensando na segurança sanitária do morador. Uma cuba foi instalada logo na entrada, junto com fotos que remetem à água e à limpeza. Os móveis em tons pastel se misturam com a parede terracota e os móveis de madeira causando um visual deslumbrante. As cores usadas foram Calmaria Verde e Vinho Clássico.

 

12. Envolto por verde escuro, o elefante está no meio da sala!

O projeto de Fernando Brandão, no Janelas CASACOR São Paulo, traz três situações de trabalho no projeto ETC.

O projeto de Fernando Brandão, no Janelas CASACOR São Paulo, traz três situações de trabalho no projeto ETC. (Salvador Cordaro/CASACOR)

Precisamos falar sobre o elefante no meio do ambiente ETC, projetado por Fernando Brandão. Grafitado por um artista plástico, o Elefante está no centro da parede, pintada em volta com um verde escuro da Coral (cor Bordado Indiano). O tom sóbrio deixa o ambiente mais sério, mas ainda assim com espaço para descompressão, sem deixar o conforto de lado

 

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.