BBB: se o quarto secreto estivesse acima da casa, como abafar os barulhos?

Para que os demais brothers não percebessem que havia alguém no quarto secreto, algumas soluções poderiam ter sido executadas. Confira:

Por Yara Guerra Atualizado em 12 mar 2021, 19h59 - Publicado em 10 mar 2021, 16h32
A atriz Carla Díaz foi escolhida pelo público a ser “eliminada” no paredão falso e se dirigir ao quarto secreto do BBB Gshow/Reprodução

Desde que entrou no ar, o Big Brother Brasil 2021 tem sido pauta constante e motivo de debates nas redes sociais. Temas sociais relevantes, como empoderamento negro, racismo, LGBTfobia, feminismo e xenofobia refletiram no debate público após ganharem força dentro da casa mais vigiada do país.

Nesta última semana, com a novidade do paredão falso e do quarto secreto, um assunto bem mais leve – porém pertinente – foi levantado no Twitter: como a produção iria garantir que os outros participantes não escutariam os barulhos do “eliminado”, já que, em outras edições do programa, o cômodo ficava em cima da casa?

Sabe-se agora que o quarto fica em “outra dimensão”, como pontuou o apresentador Tiago Leifert, mas a resposta para o questionamento dos internautas poderia estar na arquitetura do projeto. Confira algumas dicas:

Revestimentos de parede podem incluir isolantes acústicos, que ajudam a absorver o som Casa.com.br/Divulgação
Continua após a publicidade

Visando abafar os possíveis ruídos no quarto, a produção do BBB poderia, por exemplo, utilizar a madeira como revestimento de parede ou como pavimentação complementar a partir de placas. Outra saída seria apostar no uso de painéis de cortiças a serem posicionados entre tijolos e o revestimento.

Demais materiais isolantes, como lã de vidro, de rocha e de PET, poderiam ser utilizados na parede. Todos eles têm propriedades que absorvem a energia sonora dentro das cavidades e podem ser utilizados também em pisos, atrás de chapas de drywall, tetos e telhas. Espumas também são utilizadas como isolantes de som e são constantemente vistas em estúdios de música, por exemplo, onde é importante conter o ruído. Além disso, seria perspicaz se atentar seria a vedação de elementos como portas e janelas, que fazem a comunicação com o ambiente externo, já que o som se propaga pelo ar.

Materiais fibrosos, como tapete, podem ser condicionantes acústicos. Peça de Fernando Jaeger. Felipe Jaeger/Casa.com.br

O isolamento pode, também, ser combinado ao condicionamento acústico – isto é, a estratégia de tornar um ambiente aconchegante se livrando de possíveis ecos. Para isso, poderiam ser utilizados materiais fibrosos, como tapetes, cortinas e almofadas. E, para além de somar à decoração, as plantas poderiam também ser melhores amigas do silêncio: aquelas com padrões geométricos e texturas ajudam a tornar o som difuso por refleti-lo em várias direções.

Continua após a publicidade

Publicidade