Casa Created with Sketch.

Arquitetos de Curitiba se unem para criar loja física para pós-isolamento

Atelier 1901, LABmoda e Pátio Batel pensam em novos formatos para criar uma nova experiência de compra

Mesmo com a vacina, que esperamos que não demore muito para ser desenvolvida, a COVID-19 mudará todos os aspectos da nossa vida. Foi pensando nisso que o LABModa, plataforma criativa que tem o propósito de divulgar a moda autoral no Brasil, em especial, da capital paranaense, lançou um desafio aos arquitetos. Logo, um grupo de jovens profissionais e urbanistas abraçaram a causa e estão criando opções para um novo modelo de consumo.

 (Divulgação/Casa.com.br)

O objetivo é desenvolver uma loja de moda autoral, que sintetize aspectos de inovação, transformação digital e a realidade em um novo conceito de experiência para quem compra e vende. Esta tarefa será desenvolvida por um grupo de arquitetos do Atelier 1901. E o projeto tem parceria com o Pátio Batel, um dos principais shoppings de Curitiba.

 (Divulgação/Casa.com.br)

Assim como para o LABmoda, a busca pela inovação e novas soluções criativas sempre foram pilares do Atelier 1901, uma incubadora para arquitetos e urbanistas recém-formados, que busca capacitá-los e auxiliá-los no desenvolvimento de suas carreiras. Modelo de negócio inédito, o Atelier 1901 ganhou forma no fim de 2019 a partir da concepção dos arquitetos Ismael Gustavo Zanardini e Thatiane Botto de Barros, sócios do Studio BaZa Arquitetura e Interiores.

 (Divulgação/Casa.com.br)

Como hub de captação de projetos, o Atelier 1901 já desenvolveu soluções inovadoras para empreendimentos que estão sendo realizados em Curitiba. O desafio, desta vez, é pensar em um novo formato de varejo em shopping center.

A ideia do projeto é integrar os espaços físico e digital em uma nova experiência. Em conjunto com o Pátio Batel, parceria que vem desde 2015, o LABmoda expandiu seus conceitos e deixou de ser apenas um evento de moda anual, para criar novas experiências de consumo e de relacionamento entre criadores e público.

 (Divulgação/Casa.com.br)

O processo de desenvolvimento da nova loja será selecionado por uma banca, que avaliará as propostas apresentadas pelos arquitetos incubados do Atelier 1901. A terceira etapa do processo, vai incluir, ainda, uma parte de pesquisa e um hackathon, uma modalidade de competição interna para a criação das melhores ideias para o projeto. A melhor proposta será selecionada para execução do novo espaço em uma talk ao vivo, no dia 30 de julho.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s