Casa Created with Sketch.

Quartos infantis: 12 ambientes para se apaixonar

Ideias de cores, marcenaria e detalhes charmosos nestes espaços pensados especialmente para as crianças

Além de serem pensados para uma boa noite de sono, os quartos infantis que mostramos nesta seleção esbanjam estilo. Isso porque eles fogem dos clichês de ambientes desenvolvidos para as crianças e, muitos deles, podem acompanhar o pequeno até a adolescência.

Para isso, os arquitetos e designers criaram ambientes lúdicos, marcenarias de estilo contemporâneo e paletas de cores bem variadas. Se você busca por inspiração para montar um quarto de criança, confira os ambientes abaixo!

 

Com beliche

Produção: Mayra Navarro

Produção: Mayra Navarro (Evelyn Muller/Casa.com.br)

Que criança não gosta de dormir em beliche? Neste quarto, não faltava espaço, mas mesmo assim a arquiteta Vanessa Martins, do escritório Sala2 Arquitetura, optou pelo móvel. Isso porque ele trouxe um ar ainda mais lúdico ao ambiente e liberou área para montar um canto de brincadeiras, com lousa em formato de casinha e bancada. Repare no estilo escandinavo da decoração por conta da madeira clara.

Produção: Mayra Navarro

Produção: Mayra Navarro (Evelyn Muller/Casa.com.br)

 

Uma estante para organizar

 (divulgação/Casa.com.br)

Neste quarto, assinado pela arquiteta Kika Tiengo, bagunça não é desculpa. Para armazenar livros, brinquedos e equipamentos eletrônicos do jovem morador, ela desenhou uma estante com nichos fechados e alguns abertos. O toque divertido veio pelo desenho do móvel, instalado em ripas de madeira na parede, e pelas cores variadas das portinhas e gavetas.

Para gastar energia

 (Júlia Tótoli/Casa.com.br)

As arquitetas Gabriella Chiarelli e Marianna Resende, do escritório Lez Arquitetura, criaram um verdadeiro cenário de aventuras neste quarto infantil. Aqui tem parede de escalada e o andar de cima da beliche ainda pode virar um forte para os pequenos, que não devem querer sair desse espaço. A parede azul, destaca as peças coloridas e a madeira de tom médio.

 (Júlia Tótoli/Casa.com.br)

 

Azul com toque retrô

Roupa de cama, almofadas e mantas da Codex Home. Produção: Mayra Navarro

Roupa de cama, almofadas e mantas da Codex Home. Produção: Mayra Navarro (Adriano Escanhuela/Casa.com.br)

Criado para uma garota estudiosa, este quarto brinca com tons de azul. A cabeceira estofada deixa o espaço da cama mais aconchegante e, logo ao lado, a arquiteta Beatriz Quinelato, que criou o projeto, desenhou uma escrivaninha. Para complementar, uma cadeira e um gaveteiro de estilo vintage deixam tudo mais charmoso.

 

Espaço bem aproveitado

Roupa de cama, almofadas e manta da Eliana Sposito Baby Store. Produção: Mayra Navarro

Roupa de cama, almofadas e manta da Eliana Sposito Baby Store. Produção: Mayra Navarro (Adriano Escanhuela/Casa.com.br)

Neste outro quarto infantil, assinado pela arquiteta Beatriz Quinelato, cada centímetro foi bem pensado. De um lado, a cama com um colchão embaixo para quando alguma amiguinha visitar a moradora. E, do outro, a escrivaninha em L com gaveteiros. A parede, ainda, recebeu prateleiras e um mural de fotos.

 

Universo cor-de-rosa

 (Renato Navarro/Casa.com.br)

A cor rosa foi o mote deste quarto desenhado pela arquiteta Erica Salguero. Com linhas simples, o ambiente revela uma delicada casinha de madeira, com direito à janelas, chaminé e nuvens, na parede perto da cama. Tudo para estimular bons sonhos.

Super-heróis como inspiração

 (Renato Navarro/Casa.com.br)

Também assinado por Erica Salguero, este quarto infantil teve o universo dos super-heróis como inspiração. Desde as cores contrastantes ao mobiliário, tudo foi pensado neles. Na parede da cabeceira, quadrinhos com ilustrações do Batman, Superman, Hulk e outros personagens decoram o espaço. E, em frente à cama, nichos em formato de colmeia servem para o pequeno morador guardar sua coleção de bonecos.

 

Para duas meninas

 (Rafael Renzo/Casa.com.br)

A arquiteta Ana Carolina Weege desenhou este quarto para acomodar duas irmãs com conforto. E não faltam detalhes lúdicos e charmosos aqui, a exemplo da casinha entre as camas, que funciona como estante, os enfeites na parede e a escrivaninha com duas cadeiras. A paleta usada pela profissional, com rosa, verde e madeira clara, garante uma atmosfera suave e delicada.

 (Rafael Renzo/Casa.com.br)

 

Com cama suspensa

 (Renato Navarro/Casa.com.br)

Se a ideia do beliche não agradar os pequenos, que tal apostar em uma cama suspensa, como neste projeto do escritório TT Interiores? Com um espaço limitado e muitos desejos, as arquitetas desenharam duas camas — uma no chão e outra suspensa —, mas longe entre si. Assim, foi possível acomodar uma escrivaninha com duas cadeiras e ainda criar uma atmosfera lúdica no quarto.

 (Renato Navarro/Casa.com.br)

 

Cama em formato de casinha

 (Cris Farhat Fotografia/Casa.com.br)

Decorado no estilo montessoriano, este quarto tem tudo ao alcance do pequeno morador. E os móveis baixos fazem parte desta proposta, assim como a cama em formato de casinha. Na estante, caixas de madeira com rodinhas garantem que os brinquedos fiquem organizados quando a criança não estiver brincando. E ela mesma pode se encarregar de guardar tudo. Projeto do Studio Canto.

 

Irmãos que dividem o quarto

 (Mariana Orsi/Casa.com.br)

Neste apartamento, com projeto das arquitetas Ana Cecília Toscano e Flávia Lauzana, do escritório ACF Arquitetura, os pais faziam questão que os irmãos dividissem o quarto e não queriam beliche nem bicama, por isso, cada canto precisou ser bem calculado. Além disso, o ambiente precisava de um local para estudo, espaço para armazenar os brinquedos e uma cama extra para quando os amigos viessem passar a noite. Sobre os espaços de armazenamento, destacam-se a sapateira, gavetas e baús que foram acomodados na base das camas.

Clima de fofura

Criação do Studio Farfalla, este quarto infantil prova que misturar estampas, além de ser um truque muito estiloso, pode criar um ambiente cheio de fofura. É que o desenho da roupa de cama, que mistura frutas estilizadas, fez uma dupla charmosa com o papel de parede de corações. Do outro lado da cama, há, ainda, um canto de estudos com armários, escrivaninha e um baú com rodízios.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s