Pergolado trouxe vida a essa cobertura carioca

Siga o exemplo dessa família e conheça opções de piso - seixos, mármore e quartzito - para áreas de lazer como essa

Por Reportagem Daniela Arend (visual) e Lara Muniz (texto) Atualizado em 9 abr 2021, 12h28 - Publicado em 13 jul 2012, 22h22

Depois de três meses de reforma, os moradores descobriram as delícias da cobertura – antes vazia – desta casa. “Coberto pelo pergolado de madeira e vidro, o canto de refeições ficou mais prático e convidativo. Com o calor do Rio de janeiro, o espaço é concorrido até durante a noite”, revela a arquiteta Elaine Fachetti, do escritório carioca Ateliê de Arquitetura. Na bancada de concreto moldada no local, preparam-se os tira-gostos servidos à beira da piscina rasinha – com apenas 60 cm de profundidade, ela não sobrecarrega a laje e as crianças podem brincar à vontade.

Preços pesquisados em junho de 2012, sujeitos a alteração.

Publicidade