Nest Mini: assistente inteligente do Google chega ao Brasil

O Google Nest Mini, dispositivo de som inteligente, carrega os benefícios do Google Assistente e tem design funcional e sustentável

Por Evelyn Nogueira Atualizado em 17 fev 2020, 15h43 - Publicado em 11 nov 2019, 16h58
O Google Nest Mini na cor Giz (branco). Google/Casa.com.br

Google Lovers, podem comemorar que o momento é de vocês: o Google Nest Mini, dispositivo de som inteligente, chega ao Brasil na próxima terça-feira, 12 de novembro, vulgo amanhã! Os principais varejistas do país receberão o aparelho, que será vendido em lojas físicas e online. A novidade chega no país com o valor sugerido de R$350.

O Nest Mini foi anunciado em Nova York em 15 de outubro, durante o evento “Made by Google“, responsável por divulgar as novidades de hardware da empresa. O aparelho recebe este nome a partir da junção da Casa Conectada do Google com a Nest, uma empresa de automação residencial.

O dispositivo promete facilitar o dia a dia do morador através do comando de voz. O aparelho ainda oferece novidades: tem um suporte de parede, pensado para otimizar espaço de mesas e prateleiras; luzes LED na extremidade, que acendem uma vez que a mão do usuário se aproxima; três microfones e melhorias de som.

Google/Casa.com.br

Além de melhorias e soluções inteligentes, o Nest Mini também traz uma novidade: o design sustentável. Comprometido com metas de sustentabilidade, o Google apresenta uma cobertura de tecido feita a partir de plástico reciclado.

Sustentabilidade

O processo de transformação de uma garrafa pet no tecido que reveste o Nest Mini. Google/Casa.com.br

O tecido que cobre o Nest Mini é feito a partir de garrafas pet 100% recicladas pós consumo: isto é, garrafas que foram usadas e recicladas anteriormente. Uma garrafa de apenas meio litro pode produzir tecido suficiente para cobrir dois Nest Mini.

“A sustentabilidade foi implementada sem comprometer o estilo ou a cor dos produtos que passam a integrar sua casa”, comenta Ivy Ross, head designer do Google, em entrevista ao Architectural Digest.

Google/Casa.com.br
Continua após a publicidade

Uma das novidades do Google é que todos os produtos Nest, lançados neste ano, serão fabricados com quantidades variadas de plásticos reciclados. O Nest Mini Speaker – auto-falante da linha -, por exemplo será feito somente com o material já reciclado. “A proposta com o uso de materiais reciclados na linha Nest é dar uma nova vida ao material, evitando que ele chegue aos aterros e oceanos”, continua Ross.

“A sustentabilidade é um dos desafios mais fundamentais da nossa geração. Quando olhamos como os produtos são feitos hoje em dia, simplesmente não faz sentido (…) eles se tornam obsoletos em pouco tempo e são jogados fora”, completa o designer.

Metas de sustentabilidade Google

Google/Casa.com.br

A Head de Sustentabilidade e Hardware para consumidores, Anna Meegan, comenta que sua missão na empresa é integrar a sustentabilidade nos produtos, operações e comunidades. O esforço deve projetar e envolver a sustentabilidade desde o conceito de produto, até o desenvolvimento e destino final.

Para tornar isso possível, a empresa divulgou um conjunto de compromissos com a sustentabilidade. Entre eles estão três itens principais: até 2020, todas as remessas enviadas para clientes ou por clientes serão neutras em carbono.

Google/Casa.com.br

A partir de 2022, todos os produtos Made by Google incluirão materiais reciclados, com o objetivo de aumentar porcentagem de itens reciclados, sempre que possível.

Por fim, a empresa criará uma tecnologia que colocará as pessoas em primeiro lugar, e expandirá os acessos aos seus benefícios.

Desde 2018, o Google publica os relatórios ambientais dos produtos, que ajudam o consumidor a entender como eles são construídos e enviados. Além disso, entre 2017 e 2018, a empresa reduziu as emissões de carbono em 40%.

Continua após a publicidade

Publicidade