Empreendimento mais sustentável do Brasil será em Curtitiba

O arquiteto Arthur Casas assina o residencial de luxo ÍCARO Jardins do Graciosa, primeiro do país a receber a certificação nível ouro no GBC Brasil

Por Yara Guerra Atualizado em 17 fev 2020, 15h42 - Publicado em 2 dez 2019, 18h19
Parque Tanguá – Curitiba (PR). Yara Guerra/Casa.com.br

Quando se fala em sustentabilidade no Brasil, não demora muito para que Curitiba apareça na conversa. Listada como cidade verde ao lado de Oslo e Amsterdã, a capital paranaense possui 64,5 m² de áreas naturais por habitante e a melhor qualidade de ar do país, segundo a Organização Mundial da Saúde.

Fazendo jus a tantos títulos de respeito ao meio ambiente, o município ganha agora o empreendimento mais sustentável do Brasil – o residencial de luxo ÍCARO Jardins do Graciosa. Assinado pelo arquiteto Arthur Casas, o prédio foi consagrado com a premiação nível Ouro do Green Building Council (GBC) – o maior órgão que fomenta a indústria de construção sustentável no país.

Arthur Casas/Divulgação

Segundo pesquisa desenvolvida pelo US Green Building Council (USGBC), criador do sistema LEED de classificação de edifícios sustentáveis, o Brasil é o quarto país do mundo com mais prédios verdes.

Dentro desta classificação, o ÍCARO Jardins do Graciosa atendeu 71 pontos em relação a categorias como o “uso racional de água”, “energia”, “materiais”, “requisitos sociais” e “inovação”.

Continua após a publicidade

Entre os destaques da pontuação, estão o controle e gerenciamento de águas pluviais para irrigação e limpeza, o uso eficiente da água, o uso de fontes de aquecimento solar eficientes, a utilização de energia renovável a partir de painéis fotovoltaicos, o grande aproveitamento de ventilação natural e iluminação natural quatro vezes maior se comparado a empreendimentos convencionais.

Arthur Casas/Divulgação

Com a certificação, o edifício se tornou o primeiro do país a receber o selo, além de ser o único empreendimento até o momento a conquistar o maior nível e pontuação no referencial GBC Condomínio.

Para comemorar a conquista, a incorporadora AG7 foi convidada a participar da Conferência Internacional Greenbuilding Brasil, realizada em São Paulo entre os dias 25 e 29 de novembro.

Arthur Casas/Divulgação

Segundo a diretora da AG7, Andressa Gulin, a sustentabilidade é um dos pilares da incorporadora. “Estamos extremamente felizes com esse reconhecimento. Trabalhamos com excelência para atingirmos sempre os melhores resultados e assim, compartilhar conquistas como essas, contribuindo para criar um planeta mais saudável”, diz ela.

Continua após a publicidade

Publicidade