Pavilhão da Serpentine Gallery é inaugurado em Londres

Criado com tijolos de fibra de vidro, o Pavilhão tem uma estrutura que lembra o formato de um zíper e leva assinatura do escritório BIG

Por Da redação Atualizado em 20 dez 2016, 23h05 - Publicado em 7 jun 2016, 16h49
01-serpentine-gallery-big-bjarke-ingels

Anunciado como responsável pelo projeto em fevereiro deste ano, o escritório BIG, do arquiteto dinamarquês Bjarke Ingels acaba de inaugurar o tão aguardado Pavilhão da Serpentine Gallery na tarde de hoje, em Londres.

02-serpentine-gallery-big-bjarke-ingels

Em sua décima sexta edição, o pavilhão do escritório foi criado com tijolos de fibra de vidro e tem uma estrutura que lembra o formato de um zíper de roupa.

03-serpentine-gallery-big-bjarke-ingels

A proximidade revela que a parede, que parece ser uma só, se divide e cria o espaço do café e da área de exposições.

Continua após a publicidade

04-serpentine-gallery-big-bjarke-ingels

“Tentamos desenhar uma estrutura que contemplasse os múltiplos aspectos que são vistos como opostos: a estrutura é de forma livre, mas rigorosa, modular e ao mesmo tempo escultura, transparente e opaca”, explica Ingels em entrevista ao site Dezeen.

05-serpentine-gallery-big-bjarke-ingels

O projeto também é o primeiro a ser acompanhado por quatro casas de veraneio de 25 m², assinadas por Kunlé Adeyemi, Yona Friedman, Asif Khan e pelo escritório Barkow Leibinger.

06-serpentine-gallery-big-bjarke-ingels

Todos os anos, a galeria contrata um arquiteto para desenhar a estrutura, que é construída no gramado da Serpentine, nos Jardins de Kensington. Em anos anteriores, o pavilhão da Serpentine já foi assinado por arquitetos renomados como Peter Zumthor, Jean Nouvel e Sou Fujimoto, além dos escritórios SANAA e Herzog & de Meuron.

07-serpentine-gallery-big-bjarke-ingels
Continua após a publicidade

Publicidade