Frank Gehry mostra o dedo do meio para jornalistas

Frank Gehry faz gesto feio para um repórter ao ficar Irritado em uma entrevista coletiva na Espanha. Depois, ele culpou o jetlag...

Por Por Márcia Carini Atualizado em 19 jan 2017, 13h42 - Publicado em 27 out 2014, 17h02
frank-gehry-escultura-flash-casa-claudia

Frank Gehry fez o que muito entrevistado tem vontade de fazer – mandou um repórter a m**** com um simples gesto. Não é louvável agir assim, mas, segundo o próprio Frank, a culpa foi do jetlag. O arquiteto canadense (naturalizado americano), de 85 anos estava em Oviedo, Espanha, na quinta-feira, 23 de outubro de 2014, participando de uma entrevista coletiva. Quando um dos jornalistas perguntou o que ele achava de ter seu trabalho categorizado como “arquitetura do espetáculo”. Frank apenas levantou o dedo do meio – causando um silêncio constrangedor. Segundo o arquiteto, a pergunta era estúpida. Na sequência, quando outro jornalista perguntou se prédios emblemáticos como os deles continuariam a ser construídos nas cidades modernas, ele deu outra resposta atravessada: “Deixa eu te falar uma coisa: neste mundo em que vivemos, 98% de tudo que é construído e desenhado hoje é pura merda.” A repercussão na mídia foi imediata e a desculpa de Frank Gehry, depois da entrevista, não aliviou nada para o seu lado: veículos chamaram-no de impaciente e arrogante.

Frank Gehry, ganhador do Pritzker em 1989, é conhecido por grandes projetos como o Museu Guggenheim Bilbao, na cidade basca de Bilbau e o Vitra Design Museum, em Weil am Rhein, na Alemanha (veja fotos na galeria). Na foto-montagem, ele aparece ao lado da escultura L.O.V.E, de Maurizio Cattelan, que fica em Milão.

Leia também:

ONG de Brad Pitty constrói casas projetadas por Frank Gehry em região destruída pelo Katrina

Fundação Louis Vuitton tem prédio com prédio projetado por Frank Gehry

Continua após a publicidade

Publicidade