Casa Created with Sketch.

Defeito na descarga: dicas para mandar os problemas pelo ralo

Quando a descarga começa a apresentar defeito, é comum que os moradores não saibam como consertar e se desesperem

 (Reprodução/Giphy)

Com as pessoas ficando mais tempo em casa, elas usufruem mais dos utensílios e objetos de seus lares. Consequentemente, estes precisam de manutenções com maior frequência. Quando a descarga começa a apresentar defeito, como água caindo pelas paredes da bacia, descendo continuamente para o vaso, botão travado ou disparado, é comum que os moradores não saibam como consertar e se desesperem.

Homem com ferramenta na mão consertando vaso sanitário

 (Triider/Reprodução)

A boa notícia é que alguns problemas mais comuns podem ser realizados de maneira simples e sem a ajuda profissional. É por isso que o Triider, app de pequenas reformas e manutenção, separou algumas dicas e um passo a passo para acabar com essa dor de cabeça.

Tenha uma boa caixa de ferramentas:

 

Vaso sanitário em banheiro com a tampa aberta

 (Giorgio Trovato/Unsplash)

Identificado o problema, a próxima etapa é se equipar com as ferramentas e utensílios para realizar o trabalho. O indicado é olhar o parafuso da válvula para saber se será necessária uma chave de fenda ou uma estrela. Para isso, é preciso abrir a válvula da descarga e procurar pela moda.

Observação: preste atenção no tampão que impede que a água desça quando a descarga não está acionada, pois, se o “selo” não está bem colocado, a água vaza. E então, será necessário o kit de reparo da válvula de descarga que está quebrada.

Feche o registro de água (sentido horário), que normalmente está localizado no próprio banheiro ou em alguma área externa, como perto do relógio de medição da água.

Homem com ferramenta na mão consertando vaso sanitário

 (Rocketman Plumbing/Reprodução)

Se sua descarga não funcionar, estiver disparada ou com um vazamento, é possível seguir o passo a passo abaixo:

  • Levante a tampa da caixa (ou a válvula, onde se aciona a descarga);
  • Identifique o conjunto no qual as molas se encontram;
  • Tire os parafusos com a chave de fenda ou estrela;
  • Retire a peça inteira;
  • Aproveite para limpar caso tenha incrustações ou ferrugens (para isso, use uma lixa d’água, encontrada em qualquer casa de materiais);
  • Substitua pela nova peça;
  • Atente-se a todas as peças que a compõe (borrachinhas, etc.), garantindo que nenhuma está ausente;
  • Tampe a descarga novamente e abra o registro da água.

Feito isso, é necessário fazer um teste: pressione a descarga e se tudo que estiver no vaso for embora, seu problema foi resolvido. Se não conseguir apertar a válvula, abra e verifique se alguma peça está mal colocada ou com problema.

Caixa de vaso sanitário com botão sendo pressionado

 (SM Devis/Reprodução)

Há alguns testes que podem ser feitos para verificar problemas específicos:

  • Para testar um vazamento, pingue um corante dentro da caixa acoplada ou qualquer produto que tenha cor bem acentuada (e que não prejudique o fluxo da água). Caso o corante vá para o vaso sem que você dê descarga, há um vazamento.
  • Para testar a válvula, pegue a borra de café e jogue dentro. Caso ela fique depositada lá no fundo, então, não há vazamentos.
Caixa de vaso sanitário em banheiro ao lado de escada com cesta de arame em cima

 (Charles Deluvio/Triider/Reprodução)

Nada funcionou?

Se mesmo com todas as técnicas, a descarga ainda não funcionou, melhor não insistir mais para não danificar o vaso. Nesse caso, a melhor opção é chamar um profissional qualificado para a tarefa. O aplicativo Triider oferece mais de 50 opções de serviços e conta com equipe 24 horas por dia para tirar as dúvidas dos clientes.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.