Casa Created with Sketch.

Saiba usar capa para não passar vergonha

Não é só a Madonna que “paga mico” por usar capa de forma errada. Por isso separamos alguns modelos de capa de sofá para você não cometer nenhuma gafe

1

Na sala de TV, as crianças se esparramam no sofá. Por isso, quando sugeriu um estofado para os moradores, o arquiteto Gustavo Motta optou por um modelo vendido com capa: o Eros (Brentwood) vem com uma vestimenta que é inteiriça no corpo do móvel e, nas almofadas soltas, fechada com zíper oculto. A sarja selecionada para cobri-lo (21 m para o sofá e 4 m para o pufe) tem um tom acinzentado. “Essa cor permite espaçar mais as lavagens e o amassado do tecido garante um ar descontraído ao ambiente”, diz Gustavo. Pregas e vivos ajudam a manter a capa sempre no lugar.

2

Este modelo de capa consumiu 6 m de linho. “Há certa folga de tecido para que ele possa ser esticado manualmente por baixo da almofada do assento”, diz o arquiteto Marco Marcelino.

3

Se a sala anda meio desanimada, uma capa estampada para o sofá ou para o banco muda totalmente a situação. “Um tecido liso, como normalmente se usa, não traria tanto impacto”, diz a decoradora e dona da casa, Lolô Ribeiro dos Santos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s