Paulistano sobre rodas: nova poltrona de Paulo Mendes da Rocha

A poltrona de escritório, desenhada nos anos 1980 pelo renomado arquiteto Paulo Mendes da Rocha, acaba de desembarcar no Brasil em grande estilo. Nós antecipamos a notícia para vocês!

Por Por Regina Galvão | Fotos Marco Antonio Atualizado em 14 dez 2016, 12h36 - Publicado em 11 fev 2015, 19h09

Lembrei-me de quando era repórter do jornal gaúcho Zero Hora quando esta notícia chegou a meus ouvidos. Furo de reportagem faz você sentir borboletas no estômago. E melhor: furo com Paulo Mendes da Rocha para minha revista favorita! A poltrona na qual o arquiteto aparece aqui sentado foi batizada Paulistano Office pela Objekto, a fabricante francesa. Durante a sessão de fotos para CASA CLAUDIA numa tarde de janeiro, Paulo resmungou: “Office? Com um criador brasileiro?” Os donos da Futon Company, loja que venderá as peças no país, concordaram, então, chamá-la Paulistano Giratória. Desenhada em 1985 para a Nucleón 8 – galeria que reeditou vários clássicos de nosso design, a poltrona ganhou uma série limitada com cerca de dez peças naquela época e só agora retorna ao mercado, depois de ser lançada no ano passado na Maison& Objet, em Paris. O arquiteto, vencedor do Prêmio Pritzker, pareceu feliz ao rever sua cria. “É uma poltrona de extrema elegância”, disse. Sim! Elegante como o modelo que a inspirou, concebido em 1957 para o clube Paulistano e que hoje integra o acervo do Museu de Arte Moderna de Nova York, MoMA. “Quando você percebeu que ela tinha virado um ícone do design internacional?”, perguntei. “Até hoje não percebi”, desconversou ele, sorrindo. Confira a nota publicada na revista CASA CLAUDIA aqui.

Publicidade