Morre seu Fernando da Ilha do Ferro, AL

O mestre, que aproveitava as formas de troncos e raízes para criar móveis, tinha 81 anos

Por Regina Galvão Atualizado em 20 dez 2016, 22h10 - Publicado em 12 jan 2009, 20h10
Foto: Caio Vilela

O mestre-artesão Fernando Rodrigues dos Santos, mais conhecido como seu Fernando da Ilha do Ferro, morreu no último sábado (11 de janeiro) aos 81 anos em sua casa no povoado de Ilha do Ferro, no município de Pão de Açúcar, às margens do rio São Francisco, em Alagoas. Ele se recuperava de um acidente vascular cerebral. Hábil no trato com a madeira, Fernando ganhou fama nacional aos 70 anos quando participou de mostras de decoração no sul do país, exibindo mesas, cadeiras e bancos rústicos, que aproveitavam as formas orgânicas de troncos e raízes, colhidos na região. Esses móveis, considerados verdadeiras esculturas por sua qualidade estética, deixavam aparentes os veios, as rachaduras e os nós da matéria-prima. Algumas peças apresentavam também poemas criados por ele. Filho de sapateiro, Fernando iniciou o ofício ainda menino, produzindo pequenos objetos na oficina do pai. Para o álbum Artesãos do Brasil vol. I, editado por Casa Claudia em 2002, declarou: “Minha arte tem uma inteligência que só os artistas da natureza podem compreender.” Em fevereiro, uma cadeira do mestre-artesão será exposta na feira de Art-Madrid, na Espanha.

Foto: Luis Gomes
Raizes e troncos inspiravam a arte do alagoano da Ilha ... Foto: Luis Gomes
Raizes e troncos inspiravam a arte do alagoano da Ilha ... Foto: Rômulo Fialdini
Sorridente e bom contador de histórias, seu Fern... Foto: Rômulo Fialdini
Poemas inventados por seu Fernando estampam os as... Foto: Rômulo Fialdini
Força e delicadeza se combinam nas peças de Fer...

Publicidade