Curitiba pode se tornar a capital mundial do design em 2018

A capital paranaense disputa o título com a Cidade do México

Por Jéssica Michellin Atualizado em 20 dez 2016, 19h07 - Publicado em 31 jul 2015, 17h38

Curitiba pode se tornar a Capital Mundial do Design de 2018, segundo comunicado da International Council of Societies of Industrial Design (ICSID), em tradução livre, Conselho Internacional das Sociedades de Design Industrial, na noite da última terça-feira (28). A capital do Paraná disputa com a Cidade do México o título, que deve ser divulgado no dia 18 de outubro. Avaliadas por um grupo internacional, formado por especialistas nas áreas de design, planejamento urbano e desenvolvimento econômico e social, Curitiba (Brasil) e Cidade do México (México) distinguiram-se das demais por terem foco no uso do design para o desenvolvimento urbano e melhoria da qualidade de vida de seus cidadãos.

“Curitiba e Cidade do México têm demonstrado planos de desenvolvimento inovadores, utilizando o design para enfrentar os desafios urbanos e criando um mundo melhor para os seus cidadãos”, explicou o presidente da Comissão de Seleção Mugendi M’Rithaa. A indicação foi bem avaliada pelo prefeito da cidade paranaense, Gustavo Fruet. “Por 50 anos, Curitiba tem liderado projetos distintos nas áreas de planejamento urbano, mobilidade e design, bem como a preservação ambiental, sustentabilidade e qualidade de vida. “É hora de Curitiba consolidar-se como um pólo de design”, disse Fruet durante a cerimônia de indicação.

Nos próximos meses, diversas visitas serão feitas nas duas cidades para que o comitê chegue ao resultado final, divulgado no dia 18 de outubro em Gwangju, na Coréia do Sul, durante a Assembleia Geral do Icsid. Se escolhida, Curitiba deverá sediar diversos eventos importantes na área de design. A cada dois anos, o título World Design Capital, em tradução livre, Capital Mundial do Design, é entregue às cidades que usam o design para melhorar a vida econômica, social e cultural do município. Em 2012, Cidade do Cabo, na África do Sul, levou o título. Em 2012, a ganhadora foi Helsinque, na Finlândia. Em 2010, Seul, na Coréia do Sul; e em 2008, foi a vez de Torino, na Itália. Já em 2016, quem deve levar o título é Taipei, na China. 

curitibacuritiba

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade