Casa Created with Sketch.

4 ideias de nichos feitos de gesso

Gesso prático: drywall não serve apenas de divisória de ambientes. Adequado a nichos (com iluminação embutida), ele expõe vasos e livros, abriga TV e esconde fios.

Aproveitamento eficiente

Um dente na parede de alvenaria deste apartamento carioca, bem em frente à cama do casal, incomodava a moradora. Por isso, fixaram-se no local chapas de drywall com nichos embutidos (execução da SEV Gesso). Com 19 cm de profundidade, um deles abriga a TV de LCD, enquanto os outros amparam livros e objetos de decoração.

Os nichos abrigam a televisão, livros, objetos e porta-retratos.

 (/)

Do outro lado, onde fica o escritório (foto abaixo), a alvenaria permaneceu e serviu de apoio para a fixação da bancada, da estante e do armário (Serpa Marcenaria). Projeto da arquiteta Adriana Valle e da designer de interiores Patrícia Carvalho.

Escritório com bancada, estante e armário.

 (/)

Nicho para objetos de arte

Esta estante de drywall exibe com classe a coleção de vasos cerâmicos. É dividida em três partes fixadas 30 cm à frente da parede de alvenaria: uma moldura de 8 cm de largura (que contorna o espaço), a sanca superior de 56 cm de altura e o módulo central, com uma lâmina de vidro (15 mm). Por fim, luminárias dicroicas embutidas ressaltam o efeito escultórico da criação.

“O serviço de instalação foi rápido [dois dias]”, conta a arquiteta Pau...

 (/)

Aliado do projeto elétrico

Ao notar que a fixação da ampla cabeceira cobriria as tomadas do quarto, o morador chamou o arquiteto Décio Navarro, de São Paulo. “Descartei transferir os pontos de elétrica, pois teria de mexer nos pilares estruturais”, diz ele. A solução foi cortar parte do encosto da cama e emoldurá-lo com duas colunas, de 2,50 x 0,87 m e 10 cm de espessura, de gesso acartonado (drywall da Lafarge Gypsum, execução da JR Gesso).

Pintadas de branco acrílico fosco, as colunas camuflam a fiação das novas ...

 (/)

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.