Casa Created with Sketch.

4 dicas para melhorar a iluminação da sua casa e trazer bem-estar

A designer de interiores Marli Assis explica como acertar nessa parte fundamental de qualquer projeto

A iluminação é um dos pontos mais importantes de um projeto de interiores, mesmo que, muitas vezes, seja vista apenas pelo lado prático. Se pensada do jeito certo, a luz pode causar sensações boas, dar mais personalidade e vida ao ambiente, além de otimizar as atividades naquele espaço.

A designer de interiores Marli Assis explica que projetar a iluminação é muito mais do que evitar cantos escuros ou excesso de luz em uma área, o planejamento adequado pode trazer muitas vantagens. “A iluminação é essencial para criarmos uma ambientação consistente na decoração e, assim, valorizá-la”, afirma a especialista. Com a ajuda dela selecionamos algumas dicas para que você tenha a iluminação ideal no seu projeto.

1. Variações de luz no mesmo ambiente

 (Reprodução/Pinterest)

Cada vez mais, os cômodos estão cumprindo mais do que uma função. Um escritório pode virar um closet e um quarto tem um cantinho da leitura, por exemplo. Nem sempre a iluminação que funciona para um serve também para o outro. Sobre isso, Marli diz que “criar variações em um mesmo ambiente é muito eficiente na economia de energia. Além disso, ela amplia o leque de sensações possíveis nesse espaço, como divertido, dramático ou intimista.”

2. Deixe o sol entrar

 (Reprodução/Pinterest)

Muito considerada quando se pensa em economizar energia, a luz natural também traz benefícios para o metabolismo, podendo interferir até na qualidade do sono. Por isso, é importante valorizá-la em seu projeto. Além disso, a luz natural é capaz de criar uma atmosfera relaxante no ambiente.

3. Tipos de lâmpadas

 (reprodução/Pinterest)

De todos os tamanhos e cores, as lâmpadas merecem uma atenção especial. Hoje me dia, existem lâmpadas de filamentos, por exemplo, que dão um toque especial na decoração. As de LED são mais econômicas duram muito mais do que as convencionais. E, caso queria uma iluminação indireta e mais aconchegante, opte por incluir um abajur ou luminária como uma alternativa para as lâmpadas no teto.

4. Cor e temperatura

Uma iluminação mais clara nos deixa mais atentos, enquanto a amarelada é mais quentinha e traz a sensação de conforto. Por isso, pensando na dica 1, escolha bem a cor e a temperatura que a lâmpada dará ao ambiente. No home office, por exemplo, luzes claras podem favorecer à concentração. Já no quarto, a amarelada por ser uma boa. Marli relata um caso em um de seus projetos. “Atendi uma família onde a mãe sofria de depressão. Conseguimos criar uma atmosfera mais alto astral e dinâmica na casa com iluminação e cores. Depois disso, ela passou a caminhar mais pela casa e conviver mais com a família”, revela.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.